The Mikey Czech Foundation doa $ 1 milhão para a pesquisa do GPID no Instituto do Câncer Dana-Farber

The Mikey Czech Foundation, Inc.

Os dados abaixo são de responsabilidade das empresas envolvidas e não são produto jornalístico do UOL

NEW CANAAN, Connecticut, 30 de março de 2017 /PRNewswire/ -- The Mikey Czech Foundation, Inc. (a "Fundação", www.mikeyczech.org ), uma fundação sem fins lucrativos 501(c)(3) estabelecida por Stephen J. e Jennifer L. Czech para financiar pesquisas médicas de tumores cerebrais pediátricos, anunciou a doação de $ 1.000.000 ao departamento de Neuro-Oncologia Médica Pediátrica do Instituto Dana-Farber, chefiado por Mark W. Kieran, MD, PhD, e localizado em Boston, Massachusetts. A doação é a maior contribuição já realizada por um único doador para a pesquisa do glioma pontino intrínseco difuso ("GPID") na história do Dana-Farber. O dinheiro da doação será empregado na pesquisa e desenvolvimento de remédios para tumores cerebrais pediátricos do glioma pontino intrínseco difuso, o tipo de tumor que tirou a vida de James Michael "Mikey" Czech em 2008, aos 11 anos de idade.

Os tumores do tronco cerebral GPID afetam os nervos cranianos de crianças, de 3 a 16 anos de idade, destruindo os nervos que suprem os músculos dos olhos e da face, bem como os músculos envolvidos na deglutição. Os sintomas incluem visão dupla, incapacidade de fechar as pálpebras completamente, "languidez" em um lado da face e dificuldade para mastigar e deglutir. O tumor também afeta as "vias longas" do cérebro, resultando em fraqueza nos braços e nas pernas e dificuldades para falar e andar. Conforme o tumor cresce, as crianças perdem, inicialmente, a capacidade de usar seus membros. Depois disso, elas perdem, em sequência, sua capacidade de deglutir e respirar. Apesar de sua deterioração física, as crianças mantêm suas faculdades mentais e têm plena consciência do que está acontecendo com elas. A sobrevivência além de 12 a 14 meses é incomum. Novos métodos de tratamento desses tumores são necessários, urgentemente, porque não existem terapias eficazes, conhecidas atualmente, para o tratamento de GPIDs.

"Os recursos necessários para curar GPIDs consistem de: (a) uma fonte de financiamento sustentável; (b) neuro-oncologistas de nível internacional; e (c) instalações de pesquisa avançadas", disse o pai de Mikey Steve Czech, presidente e cofundador da The Mikey Czech Foundation, Steve Czech. "Pretendemos ser a fonte de financiamento sustentável e acreditamos que o Dr. Kieran, seus colegas e o Dana-Farber são os melhores de sua classe no que diz respeito à pesquisa da neuro-oncologia pediátrica e têm instalações de pesquisa avançadas. Essa doação é a segunda que fazemos e esperamos manter uma série de doações, comparáveis ou maiores, dedicadas a erradicar essa doença abominável".

Além de seus esforços na Fundação, Steve Czech é o sócio administrativo e CIO (chief investment officer) da Czech Asset Management, L.P., uma gestora de investimentos alternativos focados em crédito sediada em Greenwich, Connecticut, com aproximadamente $ 4,3 bilhões de capital comprometido sob sua administração e capacidade de coinvestimento significativa. Em um esforço para estabelecer uma fonte de financiamento sustentável para a pesquisa do GPID, o sr. Czech contribui com uma percentagem de sua renda pessoal para a pesquisa do GPID.

"O financiamento da The Mikey Czech Foundation é fundamental porque ele nos permite dar continuidade à pesquisa para definir as mudanças moleculares básicas no GPID, que tornaram, anteriormente, esses tumores tão resistentes à terapia", disse o diretor de Neuro-Oncologia Médica Pediátrica do Instituto de Câncer Dana-Farber, Mark W. Kieran. "Esses esforços já estão exercendo um impacto. O primeiro estudo clínico nacional de biópsia do GPID e a classificação molecular seguida por tratamento individualizado para a anomalia específica em cada tumor do paciente (o primeiro estudo clínico do tipo no mundo) já foi concluído. Desses esforços, veio a descoberta de que o GPID ocorre como três variantes diferentes com características moleculares únicas que têm mutações diferentes, algumas das quais eram únicas do GPID e desconhecidas em quaisquer outros tipos de câncer. O instituto Dana-Farber está desenvolvendo agora terapias dirigidas a essas mutações, na esperança de que possamos finalmente começar a exercer um impacto significativo no tratamento dessa doença. Todo esse esforço veio da dedicação de pacientes, suas famílias e fundações, incluindo a The Mikey Czech Foundation, e isso não teria sido possível sem eles".

"O GPID é uma doença devastadora para pacientes pediátricos e suas famílias. Com o financiamento da The Mikey Czech Foundation, o Dr. Kieran pode dar continuidade a sua importante pesquisa e, esperançosamente, encontrar um dia a cura para o GPID", disse a presidente e CEO do Instituto do Câncer Dana-Farber, Laurie H. Glimcher, MD.

Sobre a The Mikey Czech Foundation: A The Mikey Czech Foundation, Inc. (a "Fundação") é uma fundação sem fins lucrativos 501(c)(3) estabelecida pela família de Mikey para financiar a pesquisa médica de tumores cerebrais pediátricos, incluindo os tumores do tronco cerebral pediátrico do glioma pontino intrínseco difuso ("GPID"). Os tumores do tronco cerebral pediátrico do GPID são extremamente raros. Aproximadamente 300 casos por ano são relatados em todo o país, o que, infelizmente, relega esse tipo de câncer para um status "órfão" dentro da comunidade de pesquisa médica, porque muito poucas crianças desenvolvem esse tipo de tumor cerebral para justificar o investimento necessário dos escassos recursos financeiros para a pesquisa médica destinada a encontrar a cura. A Fundação irá conceder verbas para dar suporte à pesquisa em instalações de tratamento de saúde, educação e pesquisa médica em todos os Estados Unidos, para prestar assistência à pesquisa nessa área.

Sobre o glioma pontino intrínseco difuso ("GPID"): Tumores do tronco cerebral afetam os nervos cranianos, causando sintomas relacionados aos nervos que suprem os músculos dos olhos e da face, bem como os músculos envolvidos na deglutição. Esses sintomas incluem visão dupla, incapacidade de fechar as pálpebras completamente, "languidez" em um lado da face e dificuldade para mastigar e deglutir. O tumor também afeta as "vias longas" do cérebro, resultando em fraqueza nos braços e nas pernas e dificuldades para falar e andar. Conforme o tumor cresce, as crianças perdem, inicialmente, a capacidade de usar seus membros. Depois disso, elas perdem, em sequência, o controle de sua capacidade de deglutir e respirar e começam a sofrer alterações em seus batimentos cardíacos. Apesar da deterioração física, as crianças mantêm suas faculdades mentais e têm plena consciência do que está acontecendo com elas.

Normalmente, os sintomas pioram rapidamente por causa do rápido crescimento do tumor. Com frequência, os sintomas do paciente melhoram substancialmente durante ou após seis semanas de radiação. Infelizmente, os problemas são normalmente recorrentes, voltando após seis meses, em média, e progredindo rapidamente. A sobrevivência após um período de 12 a 14 meses é incomum e quase todas as crianças não resistem à doença após 2 ou 3 anos. Novos métodos para tratar esses tumores são necessários urgentemente.

Sobre o Instituto do Câncer Dana-Farber: De conseguir as primeiras remissões no câncer com quimioterapia, em 1948, a desenvolver as últimas terapias, o Instituto do Câncer Dana-Farber é um dos principais centros de pesquisa e tratamento do câncer no mundo. É o único centro classificado entre os 4 Melhores Hospitais dos EUA pela News and World Report para o tratamento do câncer em adultos e crianças.

O instituto Dana-Farber está no centro de uma grande variedade de esforços colaborativos para reduzir o ônus do câncer, através de investigação científica, tratamento clínico, educação, envolvimento comunitário e o combate à doença. O Dana-Farber/Brigham and Women's Cancer Center fornece os últimos tratamentos do câncer para adultos; o Dana-Farber/Boston Children's Cancer and Blood Disorders Center , para crianças. O Dana-Farber/Harvard Cancer Center une os esforços da pesquisa do câncer de cinco centros médicos acadêmicos de Harvard e duas escolas de pós-graduação, enquanto o Dana-Farber Community Cancer Care fornece tratamento de alta qualidade do câncer em comunidades fora da Longwood Medical Area (Área Médica de Longwood) de Boston.

O instituto Dana-Farber se dedica a encontrar um equilíbrio 50/50 entre a pesquisa e o tratamento do câncer e muito do trabalho do instituto é dedicado a traduzir os resultados de suas descobertas em novos tratamentos de pacientes, localmente e em todo o mundo.

Sobre Stephen J. Czech: Steve Czech tem mais de 28 anos de experiência nas áreas de crédito e finanças corporativas, bem como um longo histórico em estabelecer e operar fundos de concessão de créditos de empréstimos diretos. Sua experiência inclui contratação, estruturação, concessão de crédito (underwriting), monitoramento e reestruturação de empréstimos corporativos. Antes de formar a Czech Asset Management, Steve trabalhou em diversas empresas proeminentes, incluindo, sem se limitar a, Morgan Stanley, Credit Suisse Group AG, Donaldson, Lufkin & Jenrette ("DLJ") e Banc of America Securities LLC. Czech e sua família são doadores expressivos a causas, que defendem, relacionadas a: (i) crianças com doenças terminais; (ii) militares da ativa e aposentados da Navy SEAL e suas famílias: (iii) socorristas (isto é, policiais, bombeiros e técnicos em emergências médicas -- EMTs); (iv) bolsas de estudo para estudantes desfavorecidos do ensino secundário nos Estados Unidos. Czech é fundador e copresidente da The Mikey Czech Foundation, membro da The Navy SEAL Foundation National Leadership Council, membro do Advisory Board of The University of Chicago Booth School of Business, membro laureado da Dean's Society of The University of Chicago Booth School of Business, membro da Villanova University's President's Club & Parents Executive Committee, membro da Aesclepian Society of Dana-Farber Cancer Institute e membro do Dana-Farber Presidential Visiting Committee for Pediatric Oncology. Czech também é o presidente do Conselho da Alfred Angelo, Inc. Czech é formado pela Universidade de Marquette e fez mestrado na University of Chicago Booth School of Business.

Sobre a Czech Asset Management, L.P. A Czech Asset Management, L.P., com aproximadamente $ 4,3 bilhões em capital comprometido sob sua administração e capacidade de coinvestimento significativa, é uma firma de empréstimos diretos sediada em Greenwich, Connecticut, dedicada em fornecer empréstimos preferenciais garantidos com taxa flutuante garantida de primeiro e segundo penhor baseados em ativos e fluxo de caixa, negociado privadamente, primariamente para empresas do mercado de nível médio nos EUA, que geram receitas anuais de $ 75,0 milhões a $ 500,0 milhões e EBITDA anual de $ 7,5 milhões a $ 50,0 milhões.

FONTE The Mikey Czech Foundation, Inc.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos