Bolsas

Câmbio

Zacapa: Cinco dos Chefs Mais Criativos do Mundo Falam de Como Descansam da Cozinha - Por Que uma Pausa é Essencial para Buscar Inspiração

Zacapa

Os dados abaixo são de responsabilidade das empresas envolvidas e não são produto jornalístico do UOL

LONDRES, 5 de abril de 2017 /PRNewswire/ -- Quando se pensa na cozinha profissional, a imagem é de uma grelha crepitante, os pedidos feitos em voz alta dos chefes e a eterna fumaça. Não é de surpreender que considera-se esse ambiente como um dos mais movimentados do planeta. Como fazem os chefs que estão na vanguarda da arte e criatividade culinária para encontrar inspiração no meio do ruído e movimentação de uma cozinha?

(Foto:  http://mma.prnewswire.com/media/486830/Zacapa_TAOS_Madrid.jpg  )



(Foto:  http://mma.prnewswire.com/media/486831/Zacapa_TAOS_Milan.jpg  )



(Foto:  http://mma.prnewswire.com/media/486832/Zacapa_TAOS_Rossi.jpg  )

Uma série totalmente nova de documentários curtos, 'A Arte da Lentidão', lançada pela marca líder mundial de rum super deluxe, Zacapa, procura descobrir exatamente isto e explorar as estórias de chefs que estão estendendo os limites da gastronomia criativa.

Kamilla Seidler, recém nomeada Melhor Chef Feminina dos 50 Melhores Restaurantes 2016 da América Latina, tira uma folga do seu premiadíssimo restaurante Gustu, na Bolívia (de propriedade do cofundador do Noma, Claus Meyer) e viaja para a Itália, Espanha, Estados Unidos e México para passar algum tempo e ser inspirada por quatro grandes chefs que estão redefinindo o mundo gastronômico.

Deixando ingredientes e técnicas de lado, Kamilla examina um pouco além da cozinha para tentar compreender o que separa esses revolucionários da culinária do resto das pessoas ao seu redor. Enquanto degusta uma taça de Zacapa com cada um desses chefs, ela explora o que os inspira, como são seus processos criativos, e seus momentos 'Eureka!' quando se reconectam com o seu entorno.

Kamilla encontra:

Diego Guerrero (Madrid, Espanha) - Chef com duas estrelas Michelin, do DSTAgE Madrid Guillermo González Beristaín (México) - Chef do Pangea, em Monterrey, e vencedor do Prêmio da Escolha dos Chefs dos 50 Melhores Restaurantes 2016 da América Latina Diego Rossi (Itália) – Chef principal do Trippa, em Milão (premiado pelo Michelin Bib Gourmand), que trabalhou anteriormente no Antiche Contrade, em Cuneo, trazendo uma estrela Michelin para o dito restaurante Cesar Zapata (EUA) - Chef do Phuc Yea! e, anteriormente, do The Federal, em Miami. Apesar de virem dos quatro cantos do globo, todos eles têm em comum uma paixão pelos ingredientes, deixando sua clientela extremamente satisfeita depois de experiências gastronômicas deliciosas, e adotando o que Zacapa chama de 'A Arte da Lentidão' – uma filosofia que reconhece que as melhores coisas da vida não podem ser feitas com pressa. Ela encoraja dar um tempo para melhor se reconectar com o resto do mundo, sair para uma pesca como forma de buscar inspiração, ou sair à caça de ideias inovadoras, celebrando a inspiração que certamente surge ao longo do caminho.

Kamilla descobre que cada um destes chefs deixa a cozinha depois de um longo dia ou noite e dedica um tempo para relaxar, descontrair e redescobrir o mundo através das mais variadas atividades: Cesar pedala, Diego se embebe da paisagem tranquila do interior da Itália, Guillermo parte para as montanhas, e Diego Guerrero enche a alma de música.

Diego Guerrero rumina: "Se você está na cozinha o tempo todo, não vê muito mais do que isso, então sua mente se mantém fechada e você não aproveita as influências externas para se inspirar. Descobri que é realmente importante deixar a cozinha e se desconectar para que possa depois voltar novamente. Levei esta filosofia ao limite há alguns anos, mas depois que ganhamos nossa primeira Estrela Michelin em 2007, reconhecemos que para melhorar ainda mais tínhamos que sair do restaurante, buscar inspiração e começar tudo de novo, a partir do nada. Aí lançamos o DSTAgE e, dois anos depois, ganhamos mais duas estrelas."

Kamilla acrescentou: "Acho que é muito importante – na verdade, acho que é extremamente necessário – tirar um tempo para si próprio – para se acalmar, para pensar em outras coisas além da cozinha, para curtir o que você está fazendo, para levar as coisas de um modo mais lento. Acho que separar um tempo para aprender com os outros é fundamental, é uma dádiva em gastronomia que você pode estar sempre aprendendo, mas você precisa buscar a inspiração, aceitar as influências, ver e degustar novas coisas.

"É por isto que eu adorei participar desta exploração culinária – aprendi tanto com estes quatro chefs tão renomados, como cada um deles adota a filosofia da Arte da Lentidão de sua própria maneira – relaxando e respirando e aproveitando de tudo, ao invés de ficar só pensando no que vão fazer em cinco minutos. Agora, vou levar tudo isto de volta comigo, renovada e revigorada, de volta à minha cozinha."

Montserrat De Rojas, Diretora Global de Marcas da Zacapa, comentou: "Gostamos muito de como estes cinco chefs líderes – que se encontram na vanguarda da gastronomia criativa – souberam trazer à vida a Arte da Lentidão, tanto dentro como fora de suas cozinhas. A filosofia de Arte da Lentidão de Zacapa celebra a magia que acontece quando você dedica algum tempo para experiências genuinamente significativas e deleitáveis, inclusive com alimentos e bebidas extraordinários.

"Para Zacapa, o tempo interessa mais do que tudo, ele é um modo de concentrar o foco durante todos os estágios do processo que nos permite criar um líquido luxuoso. Desde o momento que selecionamos a melhor cana de açúcar virgem, passando pela banda artesanal 'petate' maia com que adornamos cada garrafa, até o processo singular de amadurecimento, o 'Sistema Solera*', terminando finalmente com o momento em que dedicamos um tempo para bebericar, saborear e nos deleitar com este rum de luxo. Todo elemento desse percurso foi cuidadosamente escolhido e tomado todo o tempo necessário para produzir um sabor intenso e complexo como nenhum outro. Junto com estes chefs tão estimados, convidamos todos a se acomodarem, bebericando um bom Zacapa, para curtirem esta conversa tão interessante e adotarem a Arte da Lentidão."

A série de quatro episódios, A Arte da Lentidão, estará disponível para os telespectadores a partir de hoje em https://www.youtube.com/user/RonZacapaOfficial  ou acessando http://www.zacaparum.com .

*Envelhecido usando um processo de maturação espanhol adaptado, o 'Sistema Solera' permite que runs de várias idades e personalidades sejam misturados cuidadosamente por um Mestre das Misturas. Runs mais velhos e mais novos são precisamente combinados e amadurecidos em uma série de barris usados previamente para guardar uísques americanos, xerezes delicados e vinhos Pedro Ximenez, dando-lhes maior intensidade de sabor. A alta altitude e a temperatura média constante de 14°C permite que os líquidos retenham suas qualidades distintivas de intensidade e sabor.

Deguste Zacapa de forma responsável. Visite  http://www.DRINKiQ.com .

To view the original version on PR Newswire, visit: http://www.prnewswire.com/news-releases/zacapa-cinco-dos-chefs-mais-criativos-do-mundo-falam-de-como-descansam-da-cozinha--por-que-uma-pausa-e-essencial-para-buscar-inspiracao-300435642.html

FONTE Zacapa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos