Bolsas

Câmbio

Hain Lifescience: Diagnóstico rápido e abrangente de MDR-TB

Hain Lifescience GmbH

Os dados abaixo são de responsabilidade das empresas envolvidas e não são produto jornalístico do UOL

NEHREN, Alemanha, 25 de abril de 2017 /PRNewswire/ -- A crescente resistência aos antibióticos exige um diagnóstico rápido e abrangente. O novo teste FluoroType MTBDR, baseado em PCR (reação em cadeia da polimerase), identifica agentes patogênicos da tuberculose (TB) bem como importantes características de resistência aos antibióticos no prazo de três horas. A tecnologia foi inventada na Brandeis University (EUA) e depois desenvolvida como um teste de diagnóstico in vitro pela Hain Lifescience.

(Foto:  http://mma.prnewswire.com/media/492248/Hain_Lifescience.jpg  )

O FluoroType MTBDR detecta agentes patogênicos da TB diretamente das amostras dos pacientes. Além disso, ele pode ser utilizado para detectar TB multirresistente a medicamentos (MDR-TB), como por exemplo, resistentes ao Rifampicin e ao Isoniazid, os medicamentos de primeira linha mais importantes. O teste se baseia na tecnologia FluoroType, a qual combina amplificação através de "Excesso assimétrico de PCR" (ou LATE-PCR) e detecção por sondas fluorescentes rotuladas de Iluminação Ligada/Desligada. Esse teste é especialmente rápido e fornece resultados com excelente profundidade de informações. 

O alto grau de automatização simplifica e agiliza os testes e permite uma produção de até 96 amostras. A rápida detecção dos agentes patogênicos da TB, incluindo resistências aos antibióticos, diretamente das amostras do paciente, trás com ela uma vantagem no tempo em comparação com as culturas, as quais geralmente levam várias semanas. Além disso, o teste fornece informações sobre monorresistências, as quais podem estar presentes. Isso apoia o início imediato de um tratamento apropriado e personalizado.

A tecnologia FluoroType também apoia a detecção de mutações raras ou até então desconhecidas nos genes alvos. A análise é realizada automaticamente pelo Fluoro-Software e foi apresentada, com clareza, no relatório dos resultados. O escopo do software pode ser estendido através de mutantes recentemente descobertos. Dessa maneira, o FluoroType MTBDR ajuda a descobrir novas mutações e a integrá-las nas rotinas laboratoriais.

No dia 14 de março de 2017, o FluoroType MTBDR foi oficialmente apresentado para um painel de especialistas, incluindo representantes da OMS, Stop TB Partnership, The Global Fund e a Foundation for Innovative New Diagnostics (FIND). Para o orador principal Prof. Rob Warren, líder do grupo de pesquisas em microbacteriologia da Stellenbosch University da África do Sul, a vantagem está na detecção de resistências ao Isoniazid em particular: "Isso permite a diferenciação entre MDR-TB e TB monorresistente ao Rifampicin e possibilita o ajuste no regime do tratamento".

Hain Lifescience GmbH

Dra. Viktoria Rönnefarth

Tel.: +4974739451858

viktoria.roennefarth@hain-lifescience.de

 

FONTE Hain Lifescience GmbH

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos