Bolsas

Câmbio

Papéis brasileiros batem recorde de negociação nos EUA, aponta Economatica

Da Redação

Em São Paulo

As ações de empresas brasileiras na Bolsa de Valores Nova York movimentaram US$ 4,072 bilhões por dia em maio, maior média diária já registrada.

O recorde anterior era de janeiro deste ano (US$ 3,985 bilhões). Os números foram divulgados pela consultoria Economatica.

Brasil está entre os destaques positivos, diz Merrill Lynch
Corretora Prosper indica 5 ações para esta semana
Analistas da SLW sugerem papéis para curto prazo

Os ADRs brasileiros (American Depositary Receipt, papéis emitidos nos Estados Unidos por empresas de outros países como se fossem ações) da Petrobras e da Vale se encontram entre os mais negociados da Bolsa nova-iorquina. Os papéis ON (ordinários, com direito a voto) da estatal petrolífera ficaram em 14º lugar, movimentando US$ 1,13 bilhão em média por dia no mês de maio (até dia 26).

Os da Vale (também ON) marcaram a 20ª colocação, com volume de negócios médio de US$ 863 milhões.

Os cinco ADRs brasileiros mais negociados em maio foram Petrobras ON, Vale ON, Petrobras PN (papéis preferenciais, sem direito a voto, mas com preferência na distribuição de dividendos), Vale PN e Bradesco PN, nesta ordem.

O Unibanco, que historicamente era a ação bancária brasileira mais negociada em Nova York, desta vez aparece na lista atrás do rival Bradesco.

No Brasil, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) também bateu recorde de volume negociado em maio. Foram movimentados US$ 3,588 bilhões por dia no período.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos