Bolsas

Câmbio

Inflação faz BC subir juros para 13%; é a terceira alta seguida

Da Redação

Em São Paulo

O Copom (Comitê de Política Monetária), do Banco Central, decidiu elevar a Selic (taxa básica de juros) em 0,75 ponto percentual, de 12,25% para 13% ao ano, para tentar controlar a inflação. O país continua com a maior taxa real de juros do mundo, entre as principais economias.

Essa foi a terceira elevação seguida dos juros. Na reunião de abril, a taxa subiu de 11,25% para 11,75%, e, na de junho, havia subido de 11,75% para 12,25% (veja gráfico abaixo).







Comunicado do Copom diz que a decisão, tomada por unanimidade, foi uma medida "tempestiva" para tentar trazer a inflação à trajetória desejada.

A justificativa do comitê foi a seguinte: "Avaliando o cenário macroeconômico e com vistas a promover tempestivamente a convergência da inflação para a trajetória de metas, o Copom decidiu, por unanimidade, elevar a taxa Selic para 13% ao ano, sem viés."

A nova taxa valerá pelos próximos 45 dias. Novo encontro do comitê ocorrerá nos dias 9 e 10 de setembro.

Risco de inflação
A inflação é uma preocupação do governo e do mercado e interfere nas decisões sobre a taxa de juros.

Quando os juros do país ficam mais altos, o consumidor tende a comprar menos, porque a prestação de seu financiamento vai ser mais elevada. Isso reflete na variação da inflação (saiba mais sobre a relação entre juros e inflação).

Embora alguns índices de inflação tenham demonstrado desaceleração no seu ritmo neste último mês, o custo de vida preocupa o mundo todo, por causa do preço dos alimentos em ascensão.

No Brasil, o IPCA, que mede a inflação oficial, e o IGP-M, muito usado em reajuste de aluguéis, acumulam altas importantes (veja infográfico com a inflação).

Maior juro real do mundo
Segundo estudo elaborado pelo economista Jason Vieira, da UpTrend Consultoria, o Brasil continua na liderança do ranking dos maiores juros reais do mundo.

Com a elevação da Selic para 13% ao ano, o juro real brasileiro passou para 7,2% ao ano. Para ser calculado o juro real, é descontada a taxa de inflação projetada para os próximos 12 meses.

De acordo com a Uptrend, Austrália vem em segundo no ranking, com juros de 5,7%. Turquia é a terceira colocada, com taxa básica de 5,3% ao ano.

Essa pesquisa da UpTrend considera somente os países que, segundo o FMI (Fundo Monetário Internacional), vendem seus títulos de dívida pública no exterior.

Quem decide os juros
O Copom foi instituído em junho de 1996 para estabelecer as diretrizes da política monetária e definir a taxa de juros.

O colegiado é composto pelo presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, e os diretores de Política Monetária, Política Econômica, Estudos Especiais, Assuntos Internacionais, Normas e Organização do Sistema Financeiro, Fiscalização, Liquidações e Desestatização, e Administração.

O Copom se reúne em dois dias seguidos. No primeiro dia da reunião, participam também os chefes dos seguintes Departamentos do Banco Central: Departamento Econômico (Depec), Departamento de Operações das Reservas Internacionais (Depin), Departamento de Operações Bancárias e de Sistema de Pagamentos (Deban), Departamento de Operações do Mercado Aberto (Demab), Departamento de Estudos e Pesquisas (Depep), além do gerente-executivo da Gerência-Executiva de Relacionamento com Investidores (Gerin).

(Com informações de InfoMoney e Valor Online)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos