Bolsas

Câmbio

Crise tem como causa o excesso de pensamento positivo da auto-ajuda, diz colunista

Da Redação

Em São Paulo

Uma das causas da crise financeira iniciada nos EUA e espalhada pelo mundo é o excesso de pensamento positivo, triunfante na cultura americana.

A avaliação é do colunista da "Folha de S.Paulo" Contardo Calligaris, que cita artigo publicado no jornal "The New York Times" (assinantes do UOL ou da Folha podem ler o artigo de Calligaris na íntegra)

Qual teria sido a causa da bancarrota? Cobiça dos clientes ou ganância de executivos preocupados só com seu bônus de Natal? O artigo propõe um responsável menos óbvio: o excesso de otimismo.

Há anos, "tropas de pastores de superigrejas e um fluxo infinito de best-sellers de auto-ajuda" juram que, para conseguir o que a gente quer, é suficiente "acreditar firme": deseje ardentemente o objeto de sua ambição, e eis que o mundo e Deus responderão a seu pedido, registra o texto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos