Bolsas

Câmbio

Em encontro com premiê britânico, Lula pede fiscalização a sistema financeiro

Claudia Andrade

Do UOL Notícias

Em Brasília

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu nesta quinta-feira o primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, que realiza uma breve visita oficial ao Brasil, e criticou a falta de fiscalização no sistema financeiro, além de comparar o protecionismo a uma "droga".

"Em uma cidade democrática, onde a sociedade está cada vez mais sendo vigiada, no shopping, aeroporto, hotel, não é possível que só o sistema financeiro não seja vigiado e não tenha fiscalização", afirmou Lula em entrevista coletiva após o encontro.


Sobre protecionismo, o presidente brasileiro disse "eu comparo o protecionismo a uma droga. Se a gente não agir corretamente, além da depressão, virá a recessão, o desemprego, virá mais instabilidade".

Lula se reuniu com Brown em sua residência oficial, o Palácio da Alvorada, já que o Palácio do Planalto, sede do Executivo, passa por obras de reforma.

"A conversa que tivemos com o primeiro-ministro foi extremamente produtiva", disse o brasileiro sobre o encontro com o britânico.

G20
O presidente brasileiro também comentou o encontro de cúpula do G20 (grupo que reúne representantes de países ricos e dos principais emergentes) que será realizado no dia 2 de abril em Londres (Reino Unido).

"Essa reunião que vamos fazer em Londres, no dia 2, é uma reunião histórica porque, dela, o povo do mundo espera muito", disse Lula. "Se cometermos o erro de fazermos dessa reunião uma reunião para marcar outra reunião, poderemos perder credibilidade e a crise se aprofundar."

Depois do encontro com Lula, Gordon Brown viaja a São Paulo, onde visitará o Museu do Futebol e fará uma palestra sobre a crise na Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP) acompanhado por seu ministro de Negócios, Peter Mandelson.

À noite, o primeiro-ministro do Reino Unido participará de uma recepção a empresários dos dois países no Centro Britânico Brasileiro.

Amanhã (dia 27), Brown viaja para o Chile para a reunião anual de Líderes Progressistas, que acontece no sábado na cidade chilena de Viña del Mar e à qual Lula também comparecerá. A reunião servirá para definir posições entre governantes de centro-esquerda rumo à reunião do G20.

Com informações das agências internacionais AFP e EFE)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos