Bolsas

Câmbio

Interventor de empresa que começou crise vai chefiar resgate de bancos

Da Redação

Em São Paulo

O presidete americano, Barack Obama, decidiu substituir o diretor do plano de resgate dos bancos, nomeado durante a administração Bush, pelo atual presidente da gigante hipotecária Fannie Mae, Herbert Allison.

A Fannie Mae é uma das empresas do setor hipotecário americano considerada o estopim da crise financeira global.


A crise eclodiu justamente porque financeiras americanas confiaram de modo excessivo em clientes que não tinham bom histórico de pagamento de dívidas nos últimos anos. Esse tipo de financiamento, de alto risco, é chamado de "subprime" (traduzido como "de segunda linha").

No entanto, Allison não era dirigente na época que a Fannie Mae quase quebrou. Ao contrário, o governo americano interveio na empresa e ele foi justamente nomeado pelo governo Bush para assumir o lugar do então executivo-chefe da Fannie Mae, Daniel Mudd.

Obama quer Herbert Allison como "secretário assistente para a Estabilidade Financeira", informou a Casa Branca em comunicado.

Se seu nome for confirmado pelo Senado, Allison sucederá ao subsecretário adjunto interino do Tesouro encarregado da estabilidade financeira, Neel Kashkari, nomeado pelo governo do ex-presidente George W. Bush.

Herbert Allison terá como principal missão monitorar e controlar a utilização dos 700 bilhões de dólares aprovados pelo Congresso em outubro passado para estabilizar o sistema financeiro.

(Com informações de AFP e Valor Online)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos