Bolsas

Câmbio

Dilma diz que modelo de partilha do pré-sal "não tira tudo do empresário"

Da Redação

O modelo de partilha proposto pelo governo Lula para a exploração do pré-sal (petróleo em camadas prófundas do oceano) não vai "tirar tudo do empresário", disse a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff.

"No modelo de partilha você discute a apropriação, você não tira tudo do empresário. Essa é a pratica internacional. As grandes empresas estão em paises que usam a partilha. Estamos discutindo a forma de nos apropriarmos mais da reserva, na verdade, termos um modelo misto, partilha numa área e concessão em outra, depende das condições", disse Dilma.


Ela deu as declarações durante entrevista coletiva concedida após a cerimônia de anúncio das propostas do governo encaminhadas ao Congresso para exploração do pré-sal.

Segundo ela, o governo decidiu mudar o esquema de concessão para partilha na exploração do pré-sal porque a situação mudou e há poucos riscos para as empresas e muito petróleo a retirar. "Imagina um empresário que tenha acesso a 10% de uma reserva de 14 bilhões de barris. Já é algo considerado imenso. Mudamos o modelo porque a situação mudou", declarou.

"Quando não tínhamos o pré-sal, as reservas existentes eram de elevado risco exploratório. Com o pré-sal, percebemos que a situação tinha mudado. São reservas altamente rentáveis, porque são de baixo risco exploratório e grandes quantidades de petróleo", disse a ministra.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos