PUBLICIDADE
IPCA
0,25 Fev.2020
Topo

Bovespa fecha 2009 com a maior valorização em dólar dos últimos 18 anos

Da Redação, em São Paulo

30/12/2009 18h40

O Ibovespa (principal índice da Bolsa paulista) teve em 2009  uma valorização de cerca de 145% em dólar. Esse é o maior ganho da Bovespa em 18 anos, desde 1991, quando subiu 288%. É também a terceira maior alta da história, desde a criação da Bovespa, em 1968. Os dados são da empresa de consultoria Economatica (veja gráfico abaixo).

A Bovespa encerrou o último pregão de 2009, na quarta-feira, com alta de 0,43%, aos 68.588,41 pontos. O ganho em reais somou 82,66% no ano. A cotação do dólar fechou 2009 a R$ 1,743, acumulando desvalorização de 25,29%.  Ainda segundo a Economatica, a moeda atingiu sua maior desvalorização em relação a moedas brasileiras.

 

Com o pregão de quarta-feira, a Bovespa encerrou as operações de 2009. O ano foi marcado pela recuperação da Bovespa depois da crise financeira que derrubou as Bolsas no mundo em 2008.

Em 2008, a Bovespa tinha chegado a marcar 73.516,80 pontos, no dia 20 de maio. Depois da crise ter tomado forma, a Bolsa passou por cinco meses de quedas expressivas, tendo chegado a marcar 29.435,11 pontos em 27 de outubro.

Em 2009, as elevações consecutivas da Bovespa conseguiram alavancar sua pontuação novamente e, em 14 de dezembro, a Bolsa tinha voltado a superar o patamar dos 69 mil pontos, marcando 69.349,40. Mas, mesmo assim, o mercado financeiro brasileiro não conseguiu superar o recorde histórico de maio de 2008.

Economia