Bolsas

Câmbio

Cheques sem fundo batem recorde em 2009, diz Serasa

Da Redação, em São Paulo

Em 2009, 2,15% dos cheques que foram compensados não tinham fundo, segundo pesquisa da Serasa divulgada nesta quarta-feira. Este percentual é o maior desde 1991, quando teve início o levantamento.

A Serasa mostra que o recorde começou a ser observado no primeiro semestre do ano passado, quando a inadimplência com cheques alcançou 2,3%, o pior semestre já registrado pelo índice. O motivo do calote, de acordo com a pesquisa, era o uso excessivo de cheques pré-datados, que eram utilizados pelo varejo como alternativa já que o crédito estava escasso no país por conta da crise financeira.


Embora no segundo semestre, com a recuperação da economia e a normalização dos empréstimos, o percentual de cheques sem fundo tenha caído para 1,99%, este ainda foi o maior patamar para o período desde 1991.

Em 2009, o Amapá foi o estado com maior percentual de cheques devolvidos (10,2%), enquanto São Paulo ficou com o menor nível (1,64%). Por regiões, a Norte teve o maior percentual de cheques devolvidos no ano passado (4,95%), enquanto Sudeste ficou o menor (1,75%).
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos