Emprego na indústria sobe pelo 6º mês em junho, aponta IBGE

Da Redação, em São Paulo

O emprego na indústria brasileira cresceu pela sexta vez consecutiva em junho na comparação mensal, registrando a maior taxa anual da série histórica.

A alta foi de 0,5% em junho sobre maio e de 4,9% sobre igual período de 2009, quinta taxa positiva seguida, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira.

No primeiro semestre, o emprego no setor acumulou alta de 2,4%.

Na comparação com junho do ano passado, todas as regiões pesquisas tiveram aumento do emprego e 14 dos 18 setores contrataram. Os destaques foram São Paulo (3,7%) e Nordeste (7,1%).

Entre os setores, os destaques na comparação anual foram Máquinas e equipamentos (9,5%), Produtos de metal (9,8%) e Alimentos e bebidas (3%).

O valor da folha de pagamento dos trabalhadores cresceu 3,3% em junho em relação a maio. Comparada com igual período de 2009, houve avanço de 8,3%.

No acumulado do primeiro semestre, a folha de pagamento tem alta de 4,6%.

O número de horas pagas teve alta de 0,3% em junho em relação a maio. Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, a taxa subiu 5,7%, a mais alta desde o início da série histórica.

(Com informações da Reuters)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos