Bolsas

Câmbio

Cervejarias usam marcas especiais para manter vendas no inverno

Matheus Lombardi

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Kit da Kaiser Bock com manta que será distribuído em bares durante a temporada de inverno

    Kit da Kaiser Bock com manta que será distribuído em bares durante a temporada de inverno

As famosas campanhas com lindas mulheres, geralmente vestindo pouca roupa, ficaram um pouco de lado. Longe do verão, as grandes cervejarias nacionais apostam nas cervejas premium e em rótulos sazonais para aumentarem as vendas nos meses mais frios do ano, quando costumam ter queda de cerca de 30%.

A Heineken, por exemplo, voltou a fabricar a cerveja escura Kaiser Bock. A cerveja do tipo bock, de coloração avermelhada, tem um teor alcoólico mais elevado do que as cervejas comumente consumidas no país (do tipo pilsen).

Durante o inverno, a empresa irá distribuir mantas para os clientes em alguns pontos de venda na cidade de Campos do Jordão, no interior de São Paulo. "A Kaiser Bock é uma cerveja que traz valor para todas as nossas marcas de cerveja. Por ser uma receita puro malte, ela é uma cerveja que ajuda na transformação que buscamos para a Kaiser", diz a diretora de marcas mainstream da Heineken, Mariana Stanisci.

Já o Grupo Petrópolis, dono de marcas como Itaipava e Crystal, aposta no consumo de cervejas premium, "pois são mais amargas e combinam com petiscos como queijos, por exemplo".  

Entre as marcas premium do grupo, a grande aposta é na marca alemã Weltenburger. Segundo o grupo Petrópolis, é considerada a cerveja de mosteiro mais antiga do mundo.

Oportunidade para experimentar novos rótulos

Segundo especialistas, o inverno é uma boa época para experimentar cervejas "diferentes" da que a maioria está acostumado.

"A questão principal é de como o teu corpo está receptivo para aromas e sabores. No verão, o corpo pede aromas e sabores cítricos. No inverno, o corpo aceita bebida com mais corpo e mais alcoólicas", afirma o sommelier de cervejas do blog Mestre Cervejeiro, Daniel Wolff.

Para Wolff, alguns tipos de cerveja mais indicadas para beber no inverno são a weissbock, doppelbock e dubbel, por exemplo.

Aliar o consumo de cervejas com a gastronomia é o segredo de restaurante que apostam na bebida como carro-chefe para os negócios. Em São Paulo, o Empório Alto de Pinheiros possui mais de 300 rótulos da bebida.

"As cervejas tradicionais continuam saindo bem, mas o inverno é uma oportunidade para degustar cervejas mais complexas. Apesar de não termos um inverno tão rigoroso no país, o público prefere variar mais a cerveja nessa época do ano", diz o proprietário do Empório Alto de Pinheiros, Paulo Almeida.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos