PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Embraer fecha acordo com Venezuela que pode passar de R$ 1,8 bi

Fabrício Calado

Do UOL, em Brasília

31/07/2012 10h52Atualizada em 31/07/2012 11h52

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, assinou nesta terça-feira (31) um contrato para a compra de 20 aeronaves da brasileira Embraer pela estatal venezuelana Conviasa. Chávez esteve no Palácio do Planalto, em Brasília, para a cerimônia de ingresso da Venezuela no Mercosul.

Segundo valores de mercado, o negócio pode chegar a US$ 900 milhões (aproximadamente R$ 1,8 bilhão), com a venda de jatos Embraer 190.

Chávez se limitou a dizer que "é milionário o acordo, são várias centenas de milhares de dólares" na noite de segunda-feira (30), após jantar com a presidente Dilma Rousseff no Palácio da Alvorada.

Segundo o venezuelano, o contrato com a Embraer "é um projeto até modesto em relação ao mapa de projetos que temos com o BNDES, a Refinaria Abreu e Lima, alianças petroleiras, energéticas".

As negociações foram feitas pelo Brasil com a empresa de aviação estatal da Venezuela, a Conviasa. A Embraer venderá as aeronaves 190AR, que possuem entre 98 e 114 assentos.

(Com informações da Reuters)