Bolsas

Câmbio

Ouça o Giro UOL Economia com os destaques desta quinta, 05 de maio

Bruno Soares

Do UOL, em São Paulo

Mercado financeiro

A Bolsa de São Paulo fechou com queda de 1,68%, com 51.671 pontos. A desvalorização de hoje foi puxada pelo desempenho negativo das ações da mineradora Vale, que caiu mais de 4%, da Petrobras e dos bancos.

No mercado de câmbio, o dólar teve leve queda de 0,01, cotado em R$ 3,54 na venda. Na semana e no mês, a moeda acumula alta de 2,90%.

Leia mais

 

Outro revés

A agência de classificação de risco Fitch voltou a rebaixar a nota da dívida do Brasil hojr. A nota brasileira foi para "BB", com perspectiva negativa, o que pode significar novo corte no curto prazo.

Quando um governo tem avaliação ruim, considera-se que há risco de um calote e do não pagamento dos investidores que costumam comprar títulos do governo com a promessa de receberem o dinheiro de volta no futuro com juros.

Leia mais

 

Poupança mais vazia

A caderneta de poupança perdeu R$ 8,246 bilhões em abril, e teve o desempenho mais fraco para o mês da série histórica iniciada em 1995. Os dados são do Banco Central.

No mês os saques superaram os depósitos em R$ 6,305 bilhões. No acumulado dos quatro primeiros meses de 2016, a poupança teve perda líquida de R$ 32,296 bilhões.

Leia mais

 

Inflação menor?

O Banco Central reduziu a projeção para a inflação de 2016 de 7,57% para 6,98%. A previsão do índice para 2017 também caiu, de 6% para 5,8%.

Mesmo assim, o BC descarta uma diminuição na taxa básica de juros devido ao alto nível da inflação em 12 meses. Na semana passada, o Banco Central manteve a Selic em 14,25% ao ano, mesmo patamar desde julho de 2015.

Leia mais

 

Para decolar

O governo federal vai pedir pelo menos R$ 4,1 bilhões pelos aeroportos de Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Salvador (BA) e Fortaleza (CE), que vão ser repassados à iniciativa privada por meio de leilão.

Ao contrário do que ocorreu em concessões anteriores, a Infraero não vai entrar como sócia. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) estima que o leilão deve ocorrer em setembro.

Leia mais

 

Marcha lenta

A produção de veículos no Brasil caiu 25,8% de janeiro a abril. É o que informa a Anfavea, associação que representa as montadoras.Foram fabricadas 658,7 mil unidades no período.

As vendas também tiveram recuo no quadrimestre, de 27,9%, somando 644,25 mil veículos licenciados. Diante desse quadro, a Anfavea estuda ajustes tanto na produção como nos esforços de vendas.

Leia mais

 

Agenda

Amanhã o IBGE revela os dados do IPCA de abril. A expectativa é de alta de 0,52%. Em março o índice havia subido 0,43%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos