Bolsas

Câmbio

Ouça o Giro UOL Economia com os destaques desta quinta, 22 de setembro

Do UOL, em São Paulo

Mercado financeiro

A Bolsa fechou em alta pelo quarto dia seguido, com valorização de 1,03%, com 58.994,17 pontos. O resultado foi puxado, principalmente, pelo desempenho positivo das ações da Petrobras e dos bancos Bradesco, Itaú e Banco do Brasil.

No mercado de câmbio, o dólar teve alta de 0,45%, cotado em R$ 3,226, interrompendo uma sequência de duas quedas.

Leia mais

 

Lava Jato no alto escalão

O juiz Sérgio Moro determinou o bloqueio de R$ 10 milhões em contas e investimentos de Guido Mantega e de outros sete investigados na operação Arquivo X, da 34ª fase da Lava Jato. O ex-ministro da Fazenda também chegou a ser detido hoje, mas Moro revogou a prisão.

De acordo com a Polícia Federal, um depoimento espontâneo feito pelo empresário Eike Batista foi o fator decisivo para implicar Mantega em desvios na Petrobras.

Leia mais

 

Encolhido perante o mundo

A economia do Brasil vai ter a maior diminuição entre as grandes economias do mundo em 2016. E essa queda deve continuar em 2017. É o que diz um relatório publicado pela ONU. A queda do PIB deve ser de 3,2%.

No geral, o PIB mundial deve crescer 2,3%, abaixo do desempenho de 2015. O crescimento dos EUA pode ficar pela primeira vez em sete anos abaixo do da União Europeia.

Leia mais



Estados Sem-teto

O governo Michel Temer aceitou deixar os Estados de fora da proposta de emenda constitucional que cria um teto de gastos públicos.

Segundo o relator da proposta na Câmara, deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), isso vai facilitar a aprovação da proposta até o fim deste ano no Congresso.

Leia mais



Preços subindo menos

O IPCA-15, considerado uma prévia da inflação oficial, ficou em 0,23% em setembro. Esse é o menor valor para o mês desde 2009. O resultado mostra desaceleração em relação a agosto, quando o indicador havia mostrado alta de preços de 0,45%.

Mais uma vez, os alimentos foram os principais responsáveis pela desaceleração da inflação no mês. Eles ficaram 0,01% mais baratos, depois de terem subido 0,78% em agosto.

Leia mais



A solução vem de fora

O governo Michel Temer vai incluir no relatório de despesas e receitas da União uma verba extra vinda do programa de repatriação de recursos ilegais mantidos por brasileiros no exterior.

A estimativa é que o governo receba R$ 8 bilhões com o pagamento de multa e Imposto de Renda de brasileiros que vão regularizar recursos em países estrangeiros. Com esse dinheiro, o governo quer evitar o bloqueio de gastos no Orçamento da União deste ano para compensar a queda na arrecadação federal.

Leia mais



Agenda

Na agenda econômica, a Fundação Getúlio Vargas divulga o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S), referente à terceira quadrissemana de setembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos