Bolsas

Câmbio

  • Dólar com

    -1,22% R$ 3,142

  • Peso arg

    0,0% R$ $math.roundTo( 3, $!{cotacoes.moedas.ars.ask} ).toString().replace('.',',')

  • Euro

    0,0% R$ $math.roundTo( 3, $!{cotacoes.moedas.eur.ask} ).toString().replace('.',',')

Ouça o Giro UOL Economia com os destaques desta segunda, 17 de outubro

Do UOL, em São Paulo

Mercado financeiro

A Bolsa fechou em alta de 1,5%, com 62.696,11 pontos. É a terceira alta seguida e o maior valor de fechamento desde 3 de janeiro de 2013.

O resultado de hoje foi puxado, principalmente, pelo desempenho positivo das ações da Petrobras, da mineradora Vale e dos bancos. O Banco do Brasil saltou mais de 5%. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

No mercado de câmbio, o dólar teve alta de 0,1%, cotado em R$ 3,208. É a segunda alta seguida.

Leia mais


Olho no relógio

E falando em Bovespa, o horário de negociação de ações muda a partir de hoje por causa do horário de verão. A sessão vai ganhar uma hora a mais, passando a funcionar das 10h às 18h.
O horário estendido vale até o fim do horário de verão, em 19 de fevereiro de 2017.

Leia mais


Juros em alta

Nos últimos meses, bancos públicos elevaram os juros e já apresentam taxas mais altas do que as de bancos privados.

O Banco do Brasil tem o maior juro no financiamento de veículos, de 27,2% ao ano. Já a Caixa opera a segunda maior taxa no crédito rotativo do cartão de crédito, de 508,12% ao ano.

Leia mais


Será que agora cai?

Economistas consultados pelo Banco Central diminuíram a projeção para a taxa básica de juros neste ano, de 13,75% para 13,5%. A taxa hoje é de 14,25%.

O Copom (Comitê de Política Monetária) vai se reunir amanhã para debater a Selic. A última vez que o Copom reduziu a taxa foi em outubro de 2012.

Leia mais


Leão devolve

A Receita Federal depositou hoje o pagamento do quinto lote de restituições do Imposto de Renda 2016. Também estão no lote restituições de 2008 a 2015 que haviam caído na malha fina.

No total, o lote inclui devoluções para 2.221.405 contribuintes, que totalizam R$ 2,7 bilhões. O dinheiro é depositado na agência bancária indicada pelo contribuinte ao fazer a declaração.

Leia mais


O custo da toga

As despesas totais do Poder Judiciário somaram R$ 79,2 bilhões em 2015. Esse valor representa 1,3% do PIB brasileiro. O dado faz parte do relatório Justiça em Números, divulgado pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça). No ano passado, cada um dos 17.338 juízes custou, em média, R$ 46 mil aos cofres públicos por mês. Já cada servidor custou, em média, R$ 12 mil.

E as despesas devem crescer em 2016, já que, o presidente Michel Temer aprovou o reajuste salarial de 41,5% para servidores do Judiciário, mesmo em meio a um esforço de ajuste fiscal.

Leia mais


Agenda

Amanhã começa a reunião de dois dias do Copom para definir a Selic. Essa vai ser o penúltimo encontro do ano

Também vão ser divulgados dados sobre as vendas no varejo do comércio brasileiro referentes a agosto.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos