Bolsas

Câmbio

BNDES abre linha de crédito para pequenas empresas atuarem na China

Paulo Victor Chagas

Da Agência Brasil

  • Rafael Andrade/Folhapress

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) abriu uma linha de crédito de R$ 20 bilhões para que pequenas e médias empresas brasileiras atuem no mercado da China, informou neste sábado (2) o Palácio do Planalto. O objetivo é incentivar empresários do Brasil a incluir o mercado chinês entre seus negócios.

Em visita ao país asiático, o presidente Michel Temer lembrou que a China é o maior parceiro comercial do Brasil e tem sido "importante" fonte de investimentos.

"Queremos naturalmente as grandes empresas, mas sabemos do significado, do valor do emprego que as pequenas e médias empresas também podem gerar", afirmou Temer durante discurso a investidores chineses nessa sexta-feira (1º).

A uma plateia de 360 pessoas na capital Pequim, o presidente disse que as empresas que já estão instaladas no Brasil "sabem" que "têm condições de prosperar" e prometeu trabalhar para "melhorar ainda mais" o ambiente de negócios.

Ainda de acordo com Temer, o Brasil está voltando ao trilho do desenvolvimento e os empresários podem encontrar oportunidades seguras para seus investimentos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos