IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Mídia e Marketing


Blog de José Paulo Kupfer com visão crítica da economia estreia no UOL

Do UOL, em São Paulo

30/07/2019 04h00

Estreia hoje no UOL o blog do José Paulo Kupfer sobre economia. A ideia é produzir análises a quente das questões e dos números da economia, com gancho nas informações econômicas divulgadas no dia a dia.

O esforço será o de explicar seus significados, contextualizar os fatos e indicar suas implicações para a vida cotidiana das pessoas, em textos claros, a partir de um olhar crítico das políticas públicas em debate.

Jornalista profissional desde 1967, o carioca José Paulo Kupfer, 71, foi repórter, redator e exerceu cargos de chefia, ao longo de uma carreira de mais de 50 anos, nas principais publicações de São Paulo e Rio de Janeiro.

Ele considera que sua carreira evoluiu na contramão da maioria dos colegas, pois, embora formado em Economia pela USP, só foi se dedicar ao jornalismo econômico depois de trabalhar, como repórter e redator, nas áreas de Geral e Esportes.

Com passagens pelas revistas "Veja", "Exame" e "Istoé", foi o responsável, em 1989, pelo projeto e implantação do Caderno de Economia do jornal "O Estado de S. Paulo".

Escreve colunas de Economia desde 1999, tendo ocupado espaços de opinião nos jornais "Gazeta Mercantil", "Estado de S. Paulo" e "O Globo". Mantém colunas e blogs na internet desde 2003.

Em 2015, foi eleito "Jornalista Econômico do Ano", em votação conduzida entre economistas pelo Conselho Regional de Economia de São Paulo e Ordem dos Economistas do Brasil.

O que esperar no novo espaço?

Kupfer fala da expectativa sobre o blog: "Aos 71 anos, assumir um blog jornalístico no UOL, o mais importante portal de informações do país, é um imenso desafio, uma honra e um forte estímulo. É também oportunidade única de apresentar os gargalos da economia brasileira e as soluções capazes de oferecer o máximo de bem-estar ao maior número de brasileiros, em diálogo com a audiência mais qualificada."

O jornalista considera que a economia do país está numa situação de "quase recessão", com um em cada quatro brasileiros em idade de trabalhar desempregado ou subempregado.

A volta do crescimento é complicada, segundo ele. "Reformas estruturais --previdenciária e tributária em primeiro plano-- são indispensáveis, mas seus efeitos positivos só serão sentidos mais para frente. O espaço fiscal para investimentos públicos, principalmente em infraestrutura, é estreito, mas sem esse impulso não acredito que o investidor privado se apresentará na intensidade requerida. Infelizmente, minha percepção é de que tão cedo não se pode esperar uma retomada sustentável."

Mas ele diz que o país "tem recursos naturais abundantes, alguma base de produção já estabelecida e um povo empreendedor. Com essas qualidades, mais ou cedo ou mais tarde, tenho certeza de que ingressaremos em um novo ciclo de desenvolvimento".

Siga o blog: https://josepaulokupfer.blogosfera.uol.com.br/

Mais Mídia e Marketing