IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Governo contradiz Onyx e diz que não há intenção de privatizar Petrobras

"Não há, por parte do presidente, ao menos não me formulou nenhuma ideia nesse sentido", disse o porta-voz sobre a privatização da Petrobras - Diego Herculano/NurPhoto/Getty Images
"Não há, por parte do presidente, ao menos não me formulou nenhuma ideia nesse sentido", disse o porta-voz sobre a privatização da Petrobras Imagem: Diego Herculano/NurPhoto/Getty Images

Alex Tajra

Do UOL, em São Paulo

21/08/2019 19h53

O porta-voz do governo, general Otávio do Rêgo Barros, afirmou hoje que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) não tem intenção de privatizar a Petrobras, estatal brasileira de petróleo. "Não há, por parte do presidente, ao menos não me formulou nenhuma ideia nesse sentido", disse o militar quando questionado se o presidente cogita a privatização da empresa.

A frase vai de encontro ao que o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou mais cedo. Lorenzoni disse que o governo realizará estudos objetivos para analisar a possibilidade de privatização da Petrobras e que estes trabalhos serão realizados pelos técnicos do PPI (Programa de Parcerias de Investimentos), do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e do Ministério de Minas e Energia.

"O governo faz estudos e trabalha de maneira objetiva. A Petrobras como um todo passará por estudos pela equipe do PPI, do BNDES, da equipe do Ministério de Minas e Energia. As ações de desestatizações são criteriosas. Temos muitos anos pela frente", disse.

Governo estuda venda de outras estatais

Após o governo anunciar o início dos estudos para a privatização de nove estatais, o PPI (Programa de Parcerias de Investimentos) coordenará os trabalhos para a tentativa de venda de 17 estatais. Além disso, a equipe econômica está autorizada a fazer a negociação imediata do equivalente a R$ 1 bilhão em ações do Banco do Brasil.
Veja abaixo a lista de estatais incluídas hoje no PPI:

  • Telebras
  • Correios
  • Porto de Santos
  • Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados)
  • Dataprev (Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social)
  • Ceitec (Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada)
  • Ceagesp (Companhia Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo)
  • Emgea (Empresa Gestora de Ativos)
  • ABGF (Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias)
  • Já estavam incluídas no PPI e estão em estudo a possiblidade de privatização:
  • Lotex
  • Eletrobras
  • Casa da Moeda
  • Ceasaminas (Centrais de Abastecimento de Minas Gerais)
  • CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos)
  • Trensurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre)
  • Porto de São Sebastião
  • Porto do Espírito Santo

Mais Economia