IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Metade dos brasileiros aprova volta da CPMF, segundo pesquisa

João José Oliveira

Do UOL, em São Paulo

10/10/2019 16h56Atualizada em 10/10/2019 16h56

Resumo da notícia

  • Pesquisa da ACSP mostra que 51% da população aprovariam criação de novo imposto
  • 41% da população acham que vão pagar mais impostos com Reforma Tributária
  • Mais de um-terço da população desaprova imposto financeiro e 13% não têm opinião
  • Reforma Tributária ainda é pouco conhecida pela população

Uma pesquisa encomendada pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) perguntou a 2.000 entrevistados o que acham da volta da CPMF, que poderia ressurgir com o nome de Imposto Único sobre Movimentação Financeira (IMF). Segundo o levantamento, 51% disseram aprovar a ideia, 36% disseram ser contra e 13% não souberam ou não quiseram responder.

Quando perguntados sobre a proposta de substituir mais de cem tributos que existem hoje por um Imposto Único sobre Movimentações Financeiras, que seria batizado de IMF, quase seis em cada dez brasileiros (59%) disseram ser favoráveis, 28% disseram ser contrários e 14% não se posicionaram ou não responderam.

Reforma é importante, mas pouco conhecida

Sete entre cada dez entrevistados (72%) disseram que a reforma tributária é importante ou muito importante para o país. Porém, o assunto é pouco conhecido pelos brasileiros. Uma maioria ampla, de 86% dos ouvidos, disse que está pouco ou nada informada sobre a proposta do governo.

Mas 41% das pessoas disseram temer pagar mais impostos com as mudanças. E a grande maioria (87%) disse que paga muito imposto em comparação com a qualidade dos serviços públicos prestados no país.

Metodologia da pesquisa

Os dados fazem parte de uma pesquisa encomendada pela ACSP ao Ibope, realizada entre 19 e 22 de setembro, com 2.002 pessoas em todo o país. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%.

Brasileiros procuram exterior para investir

Band Notí­cias

Mais Economia