PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Microsoft testa jornada semanal com 4 dias e tem aumento de produtividade

Diminuição nos dias de expediente geraram aumento de produtividade na Microsoft japonesa - Mike Segar/Reuters
Diminuição nos dias de expediente geraram aumento de produtividade na Microsoft japonesa Imagem: Mike Segar/Reuters

Do UOL, em São Paulo

04/11/2019 13h51

A Microsoft resolveu, em agosto, criar uma espécie de desafio na jornada de trabalho de seus funcionários em sua sede no Japão. E deu certo.

Segundo o Business Insider, o teste foi denominado "Desafio de Escolha Vida-Trabalho Verão 2019" e visou analisar o equilíbrio entre vida pessoal e trabalho dos funcionários. Outra meta era aumentar os níveis de criatividade e a produtividade

Para o projeto, a empresa estipulou uma jornada semanal de quatro dias (segunda, terça, quarta e quinta-feira) aos seus trabalhadores durante aquele mês. Eles receberam os mesmos salários.

O resultado foi um aumento de 40% no faturamento - por funcionário - em comparação ao mesmo mês de 2018.

Além da sexta-feira de folga, foi decidido que as reuniões da empresa teriam, no máximo, 30 minutos. Os funcionários também foram incentivados a se comunicar online ao invés do "cara na cara".

Entre os funcionários que responderam a uma pesquisa sobre o desafio, 92% revelaram satisfação com a jornada semanal mais curta.