Topo

Frustração com leilão do pré-sal causou alta do dólar, diz presidente do BC

Campos Neto declarou que o BC está monitorando esse processo de valorização do dólar Imagem: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

19/11/2019 13h00

O presidente do BC (Banco Central), Roberto Campos Neto, afirmou hoje que a frustração com o leilão de campos de petróleo do pré-sal, em que o governo esperava arrecadar mais de R$ 100 bilhões, afeta o preço do dólar.

"O movimento mais recente que ocorreu foi por conta da cessão onerosa, que alguns agentes de mercado esperavam uma maior entrada [de dólares] do que ocorreu. Então, como a entrada de recursos foi menor do que o esperado e muitos agentes se posicionaram para capturar esse dólar caindo, você tem agora uma volta (movimento de alta do dólar)", disse durante audiência pública na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) do Senado Federal.

Campos Neto também declarou que o BC está monitorando esse processo de valorização do dólar. Entretanto, ele afirmou que o encarecimento da moeda norte-americana não tem levado ao aumento do risco país, das taxas de juros futuros negociados na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo) e da inflação no Brasil.

Além da frustração com o leilão de petróleo, Campos Neto declarou que exportadores têm demorado para trazer para o Brasil os recursos das vendas para outros países e empresas, como a Petrobras, têm trocado dívidas em dólar por financiamentos em reais. "São várias explicações. Mais recentemente, houve uma frustração com a cessão onerosa", concluiu o presidente do BC.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Frustração com leilão do pré-sal causou alta do dólar, diz presidente do BC - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL

Economia