PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Virgin vai estrear rota São Paulo-Londres e quer "comida brasileira" em voo

Divulgação
Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

25/11/2019 14h12

A Virgin Atlantic, companhia aérea britânica fundada em 1984, vai oferecer aos viajantes a rota São Paulo-Londres a partir de março de 2020 - e quer "comida brasileira" nas viagens.

De acordo com Richard Branson, fundador da empresa, o percurso deve fazer os preços das passagens entre Brasil e Inglaterra despencarem. A afirmação foi dada durante um evento de empreendedores que ocorreu neste fim de semana, em São Paulo, e divulgada pelo jornal "O Globo".

"Tenho certeza que só com o fato de haver mais competição nesta rota, com mais poltronas disponíveis, os preços vão cair. O que a Virgin deseja é quebrar esse duopólio", afirmou o bilionário.

A disputa a que Branson se referiu envolve a Latam Airlines e a British Airways: atualmente, só as duas oferecem voos diretos entre São Paulo e Londres. A Norwegian também conta com viagens do Brasil para a Inglaterra, mas utiliza aeroportos do Rio de Janeiro.

O bilionário deu detalhes de como pretende ter sucesso no mercado brasileiro. E o tipo da comida a bordo é um dos "atrativos".

"Na classe executiva teremos poltronas reclináveis e bares dentro do avião para as pessoas se servirem em pé. Além disso, os nossos tíquetes de primeira classe têm preços de executiva. Boa parte da nossa tripulação vai falar português e queremos comida brasileira no voo", disse.

Branson não negou ao veículo que está estudando novas rotas da empresa para o Brasil, mas deixou claro que não há um projeto quanto a isto neste momento.

"Se ela [rota São Paulo-Londres] for bem, tenho certeza que olharemos outras cidades, não só no Brasil mas também em outros países da América do Sul. Não temos plano específico para isso agora, mas estamos sempre com olhos abertos para oportunidades".