PUBLICIDADE
IPCA
0,21 Jan.2020
Topo

Custo de vida em São Paulo tem alta de 3,09% em 2019

Os dois grupos de despesa que registraram a maior inflação em 2019 foram recreação (7,09%) e alimentação (4,80%) - Getty Images
Os dois grupos de despesa que registraram a maior inflação em 2019 foram recreação (7,09%) e alimentação (4,80%) Imagem: Getty Images

Agência Brasil

10/01/2020 18h41

O Índice do Custo de Vida no município de São Paulo, medido pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), registrou inflação de 3,09% em 2019. A alta foi maior (3,71%) para as famílias de menor renda, com a média de três salários mínimos.

Os dois grupos de despesa que registraram a maior inflação no ano foram recreação (7,09%) e alimentação (4,80%). Esse último teve forte influência do preço das carnes, com alta de 20,72% no ano, dos grãos (9,89%), das raízes e tubérculos (9,86%) e das aves e ovos (9,16%). O aumento dos valores relacionados a recreação foi puxado pelo reajuste de 19,33% nos jogos de azar.

A inflação dos outros grupos ficou abaixo da alta geral, com habitação tendo elevação de 3,03% no ano: educação e leitura (2,75%); transporte (2,44%); saúde (2,18%) e despesas pessoais (0,49%). Registraram queda nas médias de preços as despesas diversas (-0,76%); o equipamento doméstico (-1,41%); e o vestuário (-2,45%).

Dezembro

Em dezembro, o custo de vida na capital paulista teve alta de 0,87%, sendo que para as famílias com renda média de três salários mínimos o índice ficou em 1,09%. O grupo com maior aumento de preços foi a Alimentação (2,74%), puxado pelas carnes (8,83%) e o feijão (18,53%).

Os gastos com recreação tiveram alta de 2,23%, despesas diversas (1,73%); vestuário (0,41%); transporte (0,32%); despesas pessoais (0,23%); habitação (0,11%); equipamento doméstico (0,05%); educação e leitura (0,02%); e saúde (-0,02%).

Economia