PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Tem R$ 1.045 no FGTS, mas não conseguiu sacar todo valor? Entenda o motivo

Thâmara Kaoru

Do UOL, em São Paulo

09/09/2020 04h00

Nem todos os trabalhadores que têm R$ 1.045 na conta do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) conseguirão tirar essa quantia no saque emergencial. O valor depende de quanto tinha no FGTS até dez dias antes de a Caixa depositar o dinheiro na poupança digital.

"O valor do saque emergencial FGTS é aquele constante na conta vinculada ao fundo de garantia do trabalhador na data do débito, que ocorre com até dez dias de antecedência da data prevista no calendário", informou a Caixa.

O calendário de pagamento, e consequentemente de débito, varia conforme o mês de aniversário. Um trabalhador nascido em janeiro, por exemplo, teve o crédito na conta poupança em 29 de junho. O que determinou o valor a que ele tem direito foi o saldo de até dez dias antes da abertura da conta, ou seja, o saldo que tinha em 19 de junho.

Ainda segundo a Caixa, se completou os R$ 1.045 depois da data de débito não será possível sacar a diferença de valores, pois o saque é feito apenas uma vez. "O saque pode ser realizado uma única vez, até 31 de dezembro, conforme MP 946/2020", informou a Caixa.

A situação é diferente para os trabalhadores que pediram para não receber o FGTS emergencial pelo site da Caixa, aplicativo FGTS (disponível para Android e iOS) ou internet banking da Caixa. Nesses casos, como a Caixa não abriu a conta, se o trabalhador tinha um valor menor e completou os R$ 1.045 depois, poderá retirar o valor todo, caso solicite o saque.

Como consultar quanto terá direito?

Quem tem dúvidas sobre qual valor tem disponível no fundo de garantia e quando o dinheiro ficará disponível pode consultar:

Calendários de depósito e saque

Os pagamentos do FGTS emergencial são feitos em etapas. Na primeira, o dinheiro é depositado em poupança digital pelo aplicativo Caixa Tem (disponível para Android e iOS), mas só pode ser usado para pagar contas, pagar boletos ou fazer compras por cartão virtual. O que determina o valor que o trabalhador tem direito é quanto tinha de FGTS até dez dias antes desse depósito. Na segunda etapa, o valor é liberado para saques e transferências.

Os depósitos já foram feitos para nascidos entre janeiro e outubro. Saques foram liberados para quem faz aniversário entre janeiro e abril. Veja o calendário: