PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

Arábia Saudita terá prédio de 170km de extensão para 9 milhões de moradores

Neom é uma cidade idealizada pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita cujo principal prédio terá 500 metros de altura - Divulgação
Neom é uma cidade idealizada pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita cujo principal prédio terá 500 metros de altura Imagem: Divulgação

Colaboração para o UOL

29/07/2022 19h49

A Arábia Saudita anunciou que a cidade planejada de Neom, no deserto do país, terá um prédio com 170 quilômetros de extensão, 500 metros de altura, 200 metros de largura, e capacidade para comportar até nove milhões de moradores.

A mega construção, anunciada em 2017, mas que ainda não saiu do papel, custará cerca de US$ 500 bilhões (o equivalente a cerca de R$ 2,6 trilhões), e é idealizada pelo príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohamed bin Salman, que trata a construção gigantesca como "sua pirâmide".

De acordo com informações repassadas pelo príncipe, a cidade planejada é um "empreendimento urbano positivo em carbono, movido a energia 100% limpa". Os cerca de nove milhões de futuros habitantes residirão em uma área de 34 quilômetros quadrados, pois a ideia é comportar grande contingente em uma área "relativamente pequena", de forma a preservar o meio ambiente.

A habitação terá alta tecnologia como, por exemplo, semeadura de nuvens, lua artificial e até uma gaiola para luta de robôs.

O projeto consiste na construção de dois edifícios paralelos, conectados entre si por passarelas e divididos em bairros. Como não serão permitidos carros, os moradores poderão se locomover por "um trem de alta velocidade". Por fim, a cidade planejada contará com um estádio "até 300 metros acima do solo".

De acordo com informações do The Verge, embora ainda não tenha saído do papel, a construção já causa polêmica e é alvo de críticas porque forçou a saída de tribos locais da região da futura obra.