Bolsas

Câmbio

IPC-Fipe desacelera alta a 0,46% em abril com alívio em alimentos e queda em transportes

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo desacelerou a alta a 0,46% em abril após subir 0,97% no mês anterior, com alívio nos preços de alimentos e queda em transportes.

O resultado informados nesta terça-feira (3) pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) ficou abaixo da expectativa em pesquisa da agência de notícias Reuters, de avanço de 0,5% no mês na mediana das projeções.

O maior impacto no índice de abril foi exercido pelo grupo Alimentação, com 0,1791 ponto percentual e alta de 0,73%, ainda que tenha desacelerando em relação ao avanço de 1,87% de março.

Por outro lado, os preços de Transportes registraram queda de 0,11% no mês passado, contra alta de 0,37% em março, representando um impacto de -0,0166 ponto percentual no índice do mês.

O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos