China ameaça ação contra EUA na OMC por tarifas sobre aço

Por Michael Martina

PEQUIM (Reuters) - A China poderá abrir um processo na Organização Mundial do Comércio contra dos Estados Unidos para proteger sua indústria siderúrgica, afirmou o Ministério do Comércio do país nesta terça-feira.

"Sobre os métodos equivocados dos EUA que violam as regras da OMC, a China está e vai continuar tomando todas as medidas, incluindo abertura de processo na OMC, para garantir tratamento justo para as empresas (chinesas) e proteger seus interesses de exportação", afirmou o ministério em comunicado.

Na sexta-feira, a Comissão Internacional de Comércio dos EUA afirmou que as importações de aço resistente à corrosão produzido na China e em outros quatro países estão prejudicando produtores norte-americanos. A avaliação é o passo final para a imposição de tarifas antidumping e subsídios pelos EUA contra o país asiático.

"Os interesses de exportação da indústria siderúrgica da China vão sofrer sério impacto e a indústria siderúrgica chinesa é fortemente contrária a isso", afirmou o ministério.

O Departamento de Comércio dos EUA já impôs tarifas de importação de até 450 por cento sobre produtos siderúrgicos da China e tarifas de 3 a 92 por cento sobre aço resistente a corrosão produzido na Itália, Índia, Coreia do Sul e Taiwan.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos