Bolsas

Câmbio

Mercados da China fecham em leve alta com ajuda de ações de montadoras e industriais

XANGAI/ (Reuters) - As Bolsas chinesas fecharam em alta nesta quinta-feira (28), com ganhos nas ações automobilísticas e industriais compensando quedas nos papéis de financeiras resultante de notícias de uma repressão iminente a investimentos em ações pela indústria de gestão de riquezas da China.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve alta de 0,09%, enquanto o índice de Xangai ganhou 0,1%.

Por sua vez, o índice japonês Nikkei terminou com queda de 1,13%, pressionado pelo iene mais forte e pelo nervosismo antes da decisão de política monetária do banco central japonês na sexta-feira.

Com a reunião do Federal Reserve, banco central norte-americano, encerrada, os holofotes recaem sobre o Banco do Japão, sob crescente pressão para afrouxar a política monetária e manter-se lado a lado do plano de estímulo fiscal do governo japonês.

  • Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 1,13%, a 16.476 pontos.
  • Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 0,2%, a 22.174 pontos.
  • Em Xangai, o índice SSEC ganhou 0,1%, a 2.994 pontos.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,09%, a 3.221 pontos.
  • Em Seul, o índice Kospi teve desvalorização de 0,2%, a 2.021 pontos.
  • Em Taiwan, o índice Taiex registrou alta de 0,15%, a 9.076 pontos.
  • Em Cingapura, o índice Straits Times desvalorizou-se 0,78%, a 2.918 pontos.
  • Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 avançou 0,3%, a 5.556 pontos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos