Distribuidora de energia terá de oferecer opção de tarifa menor fora do horário de pico

Leonardo Goy

  • iStock/Devonyu

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (6) regras para a aplicação da chamada "tarifa branca", que prevê a cobrança de preços diferenciados pela energia elétrica dependendo do horário do consumo.

As distribuidoras têm até 1º de janeiro de 2018 para oferecer essa opção aos clientes. O cliente decide se quer aderir a esse sistema ou não.

Na regulamentação, votada nesta terça-feira na reunião semanal da agência, foi determinado também que antes da adesão ao novo sistema de tarifação, haja uma campanha de esclarecimento das regras junto aos consumidores.

O princípio dessa nova tarifa é o de cobrar menos para a energia consumida fora dos chamados horários de pico, como o fim de tarde e início da noite dos dias de semana, quando a demanda diária por eletricidade atinge seus maiores níveis.

Dicas para economizar energia

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos