Bolsas

Câmbio

Governo quer ampliar nível de cobrança de pontualidade de voos

Rodrigo Viga Gaier, edição Alberto Alerigi Jr.

  • Folhapress

O governo federal quer aumentar o nível de cobrança sobre as empresas aéreas e aeroportos, deixando mais rígidos os critérios de pontualidade de voos, disse o diretor de gestão aeroportuária do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Paulo Henrique Possas.

Atualmente, um voo para ser considerado pontual tem uma tolerância de até 30 minutos em relação ao horário programado para a partida, mas o objetivo agora é reduzir esse intervalo para 15 minutos. O novo prazo deve começar a valer em 2017.

"O mundo inteiro começa a mudar para 15 minutos, as empresas estão mais eficientes e a gente precisa diminuir em cima desses índices", disse Possas a jornalistas no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.

De acordo com o representante do ministério, paralelamente a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) discute medidas que possam implicar em eventuais sanções e punições às empresas que não cumprirem os critérios de pontualidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos