Bolsas

Câmbio

Wall St. fecha em alta após Fed não sinalizar aperto monetário maior

NOVA YORK (Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos subiram acentuadamente nesta quarta-feira após o Federal Reserve aumentar as taxas de juros pela segunda vez em três meses, conforme o esperado.

O índice Dow Jones subiu 0,54 por cento, a 20.950 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,84 por cento, a 2.385 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,74 por cento, a 5.900 pontos.

O Fed, que elevou sua meta de juros em 0,25 ponto percentual, para entre 0,75 e 1 por cento, não sinalizou, no entanto, nenhum plano de acelerar o ritmo do aperto monetário, uma preocupação que havia ficado entre alguns participantes do mercado.

Os mercados estavam esperando a decisão do Fed e operadores haviam precificado uma chance maior do que 90 por cento para um aumento de juros de 0,25 ponto percentual.

"As pessoas estavam achando que o Fed seria mais agressivo, então o fato de que eles não foram significa maior complacência e um curso contínuo", disse Eric Schoenstein, gerente da Jensen Quality Growth Fund em Portland, no Oregon.

"A declaração não foi tão radical quanto poderia ter sido."

(Por Rodrigo Campos; reportagem adicional de Sam Forgione e Sinead Carew)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos