Em safra de cana estável, usinas do centro-sul impulsionam produção de açúcar

SÃO PAULO (Reuters) - As usinas do centro-sul do Brasil processaram 7,96 milhões de toneladas de cana na segunda quinzena de março, encerrando a temporada 2016/17 com um volume de 607,14 milhões de toneladas esmagadas, volume 1,7 por cento abaixo do registrado na temporada anterior, informou nesta quarta-feira a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

Já o volume de açúcar total recuperável (ATR), que mede efetivamente a quantidade de matéria-prima disponível para fabricação de açúcar e etanol, subiu 0,19 por cento na temporada, atingindo 80,77 milhões de toneladas.

Neste cenário de estabilidade, o relatório de fechamento da safra confirmou a tendência de um maior foco das empresas na produção de açúcar, mais rentável, em detrimento do etanol.

A produção de açúcar na última quinzena de março atingiu 270 mil toneladas, encerrando a temporada com um volume acumulado de 35,63 milhões de toneladas, alta anual de 14,1 por cento.

Por outro lado, a produção de etanol na última quinzena alcançou 327 milhões de litros, totalizando 25,65 bilhões de litros em 2016/17, recuo de 9,1 por cento na comparação com 2015/16.

Pelo calendário oficial da Unica, a safra começa em 1º de abril e termina em 31 de março.

LARGADA MAIS LENTA

Na prática, a última quinzena de março já é um aquecimento para a nova safra, uma vez que as usinas começam a retomar atividades após o período de entressafra, na qual realizam manutenção de maquinário e têm as condições de colheita limitadas pelas chuvas de verão.

Os números de moagem publicados pela Unica indicam que, apesar de uma aceleração natural dos trabalhos nesta época do ano, as empresas do centro-sul estão entrando em 2017/18 em um ritmo mais lento de processamento do que o visto em 2016/17.

O volume esmagado na última quinzena de março, de quase 8 milhões de toneladas, ficou 43,5 por cento abaixo do registrado nas últimas duas semanas do mesmo mês de 2016.

"No final do mês de março, 83 unidades produtoras estavam em operação. Até o final da primeira quinzena de abril, 181 unidades devem estar processando no centro-sul", afirmou a Unica em seu relatório.

No fim de março de 2016, já havia 137 usinas em funcionamento, e a expectativa para a primeira quinzena de abril daquele ano era que o número ultrapassasse 200 unidades.

Analistas dizem que a safra 2016/17 começou mais acelerada porque havia um grande volume de cana disponível, não colhida na temporada anterior, e que a atual temporada 2017/18 começa com uma retomada aos níveis habituais de atividade no setor.

(Por Gustavo Bonato e Marcelo Teixeira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos