Bolsas

Câmbio

Carga de energia elétrica no sistema brasileiro cresce 2,5% em março

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A carga de energia elétrica do Sistema Interligado Nacional (SIN) cresceu em março pela terceira vez consecutiva ante o mesmo mês do ano anterior, com alta de 2,5 por cento explicada em parte pela melhoria da confiança da indústria, afirmou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

Para o resultado, o ONS destacou que o Índice de Confiança da Indústria (ICI) da Fundação Getulio Vargas (FGV) avançou 2,9 pontos em março de 2017, para 90,7 pontos, o maior nível desde maio de 2014.

Além disso, o órgão reiterou que a balança comercial em março apresentou o melhor superávit para o mês desde o início da série histórica, em 1989.

O Subsistema Sul foi o que teve a maior alta ante o mesmo mês do ano anterior, de 5,5 por cento, com a ocorrência de temperaturas elevadas e pelos efeitos do aumento do consumo de energia elétrica de alguns segmentos industriais da região.

Já na comparação com fevereiro, a carga de energia elétrica do SIN caiu 1,2 por cento. No acumulado dos últimos 12 meses, o sistema apresentou uma variação positiva de 1,5 por cento em relação ao mesmo período anterior.

* Veja relatório completo: http://www.ons.org.br/download/analise_carga_demanda/Boletim_Mensal-MAR-2017_preliminar.pdf

(Por Marta Nogueira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos