Bolsas

Câmbio

Taxa de desemprego da China vai abaixo de 4% no fim do 1º tri

PEQUIM (Reuters) - A taxa de desemprego urbano registrado da China caiu abaixo de 4 por cento pela primeira vez em anos, em um sinal de que o crescimento econômico mais lento não está criando o forte desemprego que Pequim teme que provoque instabilidade social.

O Ministério de Seguridade Social informou nesta terça-feira que 3,34 milhões de novos empregos foram criados no primeiro trimestre.

A taxa de desemprego registrada urbana ficou em 3,97 por cento no final do primeiro trimestre de acordo com o Ministério de Recursos Humanos e o porta-voz de Seguridade Social, Lu Aihong.

A China tem mantido o emprego estável mesmo com o crescimento econômico desacelerando à mínima de 26 anos e o governo reduzindo a capacidade industrial, embora muitos analistas digam que o número oficial não seja confiável.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos