BNDES diz que linha para compra de bens de capital tem alta de 50% em aprovações em abril

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou nesta terça-feira que a linha Finame, que financia aquisição de bens de capital, teve alta de 50 por cento nas aprovações de crédito em abril sobre um ano antes, para 2,1 bilhões de reais.

No acumulado dos quatro primeiros meses do ano, a linha teve aumento de 38 por cento nas aprovações sobre o mesmo período de 2016, para 6,7 bilhões de reais.

"O desempenho operacional do BNDES nos quatro primeiros meses confirma sinais de recuperação da economia com aumento das aprovações de crédito para o setor industrial e para a aquisição de máquinas e equipamentos", disse o banco de fomento em comunicado.

O total aprovado pelo BNDES no primeiro quadrimestre foi de 18,2 bilhões de reais, estável na comparação com o mesmo período de 2016.

Porém, os desembolsos totais do BNDES seguem em queda, algo que o banco atribui ao "quadro recessivo dos últimos anos". Em abril, os desembolsos da instituição somaram 6,3 bilhões de reais, queda de 11 por cento sobre o mesmo mês do ano passado.

De janeiro ao mês passado, os desembolsos acumularam queda de 15 por cento, para 21,4 bilhões de reais. Segundo o BNDES, a queda do primeiro quadrimestre "mantém a tendência de desaceleração" no ritmo de redução dos desembolsos.

O banco afirmou que a maior parcela dos desembolsos do primeiro quadrimestre foi para a área de infraestrutura, que respondeu por quase 37 por cento do total, com 7,9 bilhões de reais liberados. Os destaques foram as áreas de telecomunicações e transporte ferroviário e energia elétrica.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos