Índices sobem e S&P 500 fecha em máxima recorde após ata do Fed

NOVA YORK (Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos fecharam em leve alta nesta quarta-feira, com o S&P 500 alcançando um fechamento recorde, após divulgação da ata da mais recente reunião do Federal Reserve que mostraram que membros veem uma alta nos juros em breve.

Mas, segundo a ata da reunião de 2 e 3 de maio, eles também concordaram que devem aguardar para elevar as taxas de juros até que saibam que uma recente desacelaração da economia norte-americana é temporária.

O índice Dow Jones <.DJI> subiu 0,36 por cento a 21.012 pontos, o S&P 500 <.SPX> ganhou 0,25 por cento, a 2.404 pontos e o índice de tecnologia Nasdaq <.IXIC> avançou 0,40 por cento, a 6.163 pontos.

As ações ficaram voláteis após a divulgação da ata, mas no final ampliaram os ganhos de mais cedo. O índice financeiro do S&P, que caiu logo após a divulgação, se recuperou para fechar em variação negativa de apenas 0,04 por cento. Bancos tendem a se beneficiar de taxas de empréstimo mais altas.

"Na ausência de uma desaceleração mais palpável na economia, as autoridades do Federal Reserve, reconhecendo o apoio do fortalecimento do crescimento global, parecem tender à normalização da taxa de juros", disse Quincy Krosby, estrategista-chefe de mercado da Prudential Financial, em New Jersey.

(Por Caroline Valetkevitch; reportagem adicional de Tanya Agrawal e Megan Davies)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos