Bolsas

Câmbio

Colheita de café 2017/18 do Brasil avança para 15%, diz Safras & Mercado

SÃO PAULO (Reuters) - A colheita de café da safra brasileira 2017/18 alcançou 15 por cento do volume total esperado até 23 de maio, o que equivale a cerca de 7,44 milhões de sacas de 60 kg, informou a consultoria Safras & Mercado nesta quinta-feira.

Na semana passada, a colheita havia alcançado 11 por cento do volume total esperado. Dificultados por chuvas na última semana, os trabalhos estão ligeiramente atrasados na comparação com igual período do ano passado, quando a colheita estava em 17 por cento do volume total, e frente à média de 5 anos, de 16 por cento.

As chuvas também poderão afetar a qualidade do café, embora ainda não seja possível determinar os danos com precisão, disse a Safras.

"Além de interromperem o trabalho de retirada do café dos cafeeiros, o excesso de umidade também prejudica a secagem. Muito café acabou caindo no chão, mas ainda é cedo para dimensionar prejuízos. Talvez, o principal impacto seja mesmo na qualidade da bebida", disse Gil Barabach, consultor da Safras.

Segundo ele, a colheita de arábica foi a mais prejudicada pelas chuvas, alcançando apenas 10 por cento da safra, ante 14 por cento no mesmo período do ano passado. No entanto, a colheita ainda está acima da média de 5 anos para o período, de 8 por cento.

No Espírito Santo, a irregularidade das chuvas e a alternância com períodos secos permitiu que a colheita avançasse com mais consistência. "Só que os produtores, depois de um começo de safra otimista, começaram a reclamar da renda baixa do café", disse Barabach.

(Por Laís Martins)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos