Bolsas

Câmbio

Ações nos EUA fecham quase estáveis após queda no setor financeiro

NOVA YORK (Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos fecharam quase estáveis nesta quarta-feira em meio a uma queda dos índices financeiros na sessão, após o JPMorgan e o Bank of America alertarem sobre fraqueza na receita, compensando ganhos em ações defensivas.

O Dow Jones <.DJI> caiu 0,1 por cento, a 21.008 pontos, enquanto o S&P 500 <.SPX> perdeu 0,05 por cento, a 2.411 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq <.IXIC> recuou 0,08 por cento, a 6.198 pontos.

O JPMorgan culpou a baixa volatilidade pelo declínio de 15 por cento na receita de comercialização no atual trimestre ante o mesmo período do ano passado, enquanto o Bank of America disse que a receita de comercialização no segundo trimestre caminhava para um declínio de 10 a 12 por cento ante o ano passado.

As ações do setor financeiro <.SPSY> subiram mais de 20 por cento após as eleições presidenciais nos EUA por expectativas de estímulo fiscal e de desregulamentação na gestão do presidente Donald Trump, mas têm enfrentado dificuldades nas últimas semanas. O setor já acumula queda de 0,3 por cento no ano.

"Todas as coisas que Trump nos disse que iriam acontecer, que foram gasto em infraestrutura, desregulamentação, reforma fiscal, as pessoas não acreditam que alguma coisa dessas vai acontecer na magnitude e na velocidade que o mercado havia precificado originalmente", disse Ernesto Ramos, chefe de equities da BMO Global Asset Management em Chicago. "Por isso que você vê muito recuo, especificamente de bancos."

(Por Chuck Mikolajczak)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos