Bolsas

Câmbio

Tempo desfavorável afeta exportação de carnes pelos portos do Sul, diz CEO da BRF

SÃO PAULO (Reuters) - A empresa de alimentos BRF, maior exportadora global de carne de frango, informou nesta quarta-feira que o fechamento de portos de Itajaí e Rio Grande, no Sul do país, devido a chuvas e ventos fortes, potencialmente vai afetar as exportações neste mês.

O Porto de Itajaí, em Santa Catarina, importante canal de escoamento de carnes, está fechado desde sábado, enquanto Rio Grande, no Rio Grande do Sul, teve algumas suspensões de operações durante alguns dias neste mês, segundo informação das assessorias de imprensa dos portos.

Falando em uma conferência em São Paulo nesta quarta-feira, o presidente-executivo da BRF, Pedro Faria, disse que o fechamento dos dois portos pode reduzir as exportações neste mês em 25 mil toneladas.

O porto Itajaí informou à Reuters que as operações estão suspensas desde sábado de manhã em razão das fortes chuvas e das ventanias, o que dificulta a navegação.

Segundo a assessoria de imprensa do porto de Itajaí, dois navios poderiam sair nesta quarta-feira, se as condições melhorarem. Há ainda 11 navios esperando para entrar no local --essas embarcações poderiam ir para portos vizinhos.

A assessoria acrescentou que ainda não há como medir o impacto do fechamento do porto.

O Porto de Rio Grande informou por meio da assessoria de imprensa que as operações estão normais desde o dia 21.

A assessoria informou que em um final de semana de maio as operações chegaram a ficar paradas por cerca de 24 horas devido a neblina e vento forte, mas que isso não afetou de forma significativa as operações.

(Por Ana Mano, com reportagem adicional de Laís Martins)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos