Bolsas

Câmbio

Latam insiste em aprovação de acordos com American Airlines e IAG no Chile

SANTIAGO (Reuters) - A Latam, maior companhia aérea da América Latina, ressaltou nesta quinta-feira os benefícios de acordos de operação conjunta com a America Airlines e o grupo IAG, numa nova tentativa de destravar a aprovação do negócio no Chile.

Numa audiência no tribunal de defesa econômica do país, os representantes da Latam enfatizaram a tendência mundial do setor aéreo em direção a acordos comerciais conjuntos.

Opositores argumentam sobre eventual concentração de algumas rotas internacionais e ameaças à concorrência.

O grupo IAG inclui as aéreas British Airways e a Iberia.

"Temos um caso sólido, com estudos de economistas de primeiro nível que provam os benefícios que estes acordos trazem para os chilenos e para a economia", disse em um comunicado Ignacio Cueto, presidente do Conselho de Administração.

No mês passado, Latam, American e AIG anunciaram uma série de medidas para destravar os acordos, cuja aprovação está pendente principalmente no Chile.

Na mesma audiência no Tribunal de Livre Concorrência, os advogados das aéreas citaram a aprovação de acordos em outros países da América do Sul, assim como os eventuais benefícios para passageiros e a presença de outros rivais no mercado.

No entanto, críticos destacaram a elevada participação da Latam em rotas internacionais saindo e chegando ao Chile.

Acordos similares foram aprovados na Colômbia e no Uruguai. No Brasil o acordo com a IAG foi aprovado com restrições.

(Por Felipe Iturrieta)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos