Bolsas

Câmbio

Cargas de soja aguardam para descarregar na China em meio a alta nas importações

PEQUIM (Reuters) - Navios carregados com até 700 mil toneladas de soja estão alinhados na costa da China à espera de autorização para descarregar a mercadoria, disseram operadores nesta quarta-feira.

O congestionamento nos terminais e a longa espera na alfândega podem gerar preocupações sobre a demanda para os maiores exportadores, Brasil e Estados Unidos.

A situação é pior em Rizhao, um dos principais portos da China para recebimento de soja. Por lá, cerca de seis ou sete navios, com 400 mil toneladas do produto, esperavam autorização para atracar, afirmou um operador de uma empresa internacional que preferiu não se identificar.

"A soja não pode ser descarregada porque não há armazéns suficientes", disse o operador.

Outras embarcações, com 300 mil toneladas de soja, estão à espera de autorização para atracar em demais portos da China, segundo um outro operador internacional.

A China importou um recorde de 9,59 milhões de toneladas de soja em maio, e as compras no mês passado provavelmente chegaram a 9 milhões de toneladas, disseram comerciantes.

As fortes importações nos últimos meses contribuíram para elevar os estoques de soja em Rizhao para uma máxima em quatro anos na semana passada, com 486,46 mil toneladas. Considerando-se as reservas de todos os portos chineses, o volume atinge 7 milhões de toneladas, segundo o Centro Nacional de Informações sobre Grãos e Óleos da China (CNGOIC, na sigla em inglês).

A expectativa é de que o congestionamento nos terminais continue neste mês, uma vez que mais entre 8,5 milhões e 9 milhões de toneladas de soja devem chegar aos portos, incluindo 2 milhões de toneladas apenas na província de Shandong.

(Por Dominique Patton; reportagem adicional de Naveen Thukral, em Singapura)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos