Relator do Cade defende reprovaçâo de compra da Rede Ale pela Ipiranga

BRASÍLIA (Reuters) - O relator do caso da compra da rede distribuição de combustíveis Ale pela Ipiranga, do grupo Ultrapar, no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), conselheiro João Paulo de Resende, defendeu nesta quarta-feira a reprovação da operação.

Em seu voto, o relator explicou que não houve acordo com a empresa em relação às condições a serem impostras para aprovar a compra. O relator defendia a venda de ativos da Ale em 12 Estados, o equivalente a 65 por cento da operação da empresa.

(Por Leonardo Goy)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos