Bolsas

Câmbio

Bovespa sobe 1,56% com ganhos de siderurgia e mineração e expectativa de avanço das reformas

Por Flavia Bohone

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa subiu nesta segunda-feira e encostou nos 68 mil pontos, amparado nos ganhos das ações de empresas dos setores de siderurgia e mineração e na perspectiva otimista de avanço da agenda econômica do governo.

O Ibovespa fechou em alta de 1,56 por cento, a 67.939 pontos, no maior patamar de fechamento desde 16 de maio, antes da delação de executivos da JBS, que desencadeou a mais recente crise política. Na máxima desta sessão, o índice subiu 1,71 por cento, a 68.043 pontos. O giro financeiro do pregão 7,9 bilhões de reais.

Diante de uma agenda econômica mais esvaziada, o mercado seguiu monitorando as articulações do governo para avançar com sua agenda no Congresso Nacional, principalmente as reformas da Previdência, política e tributária.

"A correria (para avançar as reformas) está acontecendo e isso deve motivar bastante o mercado", disse o analista da Um Investimentos Aldo Moniz, acrescentando que o mês de agosto ainda tende a apresentar alguma volatilidade nos negócios, acompanhando o noticiário em torno das reformas.

Também ajudando o tom positivo do mercado acionário estava a crescente perspectiva de mais cortes na taxa básica de juros, o que aumenta a atratividade da renda variável. A pesquisa Focus do Banco Central divulgada nesta manhã mostrou que economistas veem agora a Selic encerrando o ano a 7,5 por cento.

DESTAQUES

- VALE PNA subiu 4,35 por cento e VALE ON avançou 3,81 por cento, acompanhando o desempenho dos contratos do minério de ferro na China, que subiram 3 por cento nesta sessão.

- CSN ON saltou 8,67 por cento, liderando a ponta positiva do Ibovespa, também na esteira dos ganhos dos contratos futuros do minério de ferro e do aço na China, que avançaram 7 por cento nesta sessão. Segundo analistas, também no radar estava a expectativa por alienação de ativos, embora a Vale tenha negado na sexta-feira a existência de tratativas para compra de ativos da CSN. O desempenho do aço também ajudou as demais siderúrgicas e GERDAU PN teve alta de 3,67 por cento e USIMINAS PNA avançou 5,26 por cento.

- PETROBRAS PN teve alta de 1,12 por cento PETROBRAS ON subiu 0,86 por cento, seguindo o otimismo predominante no mercado e anulando as perdas vistas no começo do pregão, apesar da queda dos preços do petróleo no mercado internacional.

- BB SEGURIDADE ON recuou 0,59 por cento, na esteira dos resultados mais fracos do segundo trimestre, com queda de 12 por cento no lucro líquido ante igual período do ano passado. A ação, contudo, fechou longe das mínimas da sessão, quando caiu mais de 2 por cento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos