Bolsas

Câmbio

Chilena Cencosud quer vender US$1 bi em ativos para reduzir dívida e acelerar crescimento

Por Felipe Iturrieta

SANTIAGO (Reuters) - A chilena Cencosud, uma das maiores varejistas da América Latina, anunciou nesta sexta-feira que vai executar um plano de venda de ativos não estratégicos, por meio do qual pretende levantar até 1 bilhão de dólares para reduzir a dívida e acelerar o crescimento de seus negócios.

Com sede em Santiago e unidades na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia e Peru, a empresa disse em comunicado ao órgão regulador chileno que o objetivo é concretizar o plano em um prazo de 12 a 18 meses.

"Os recursos resultantes do plano serão usados para reduzir a dívida da empresa e acelerar o crescimento orgânico na região", disse o conglomerado sem dar detalhes sobre os ativos que serão colocados à venda.

A decisão foi anunciada após a divulgação na véspera do resultado do segundo trimestre, que mostrou uma queda de 73,1 por cento no lucro ante igual período de 2016, em meio a um cenário econômico fraco na região e uma base de comparação alta.

No Brasil, o grupo é dono da rede de supermercados GBarbosa e das bandeiras Mercantil Rodrigues, Perini, Bretas e Prezunic, com mais de 360 estabelecimentos distribuídos nos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco e Sergipe, de acordo com o site da empresa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos