Petrobras diz que alta na demanda de térmicas impacta sua oferta de combustível marítimo

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras informou nesta quarta-feira que um inesperado e recente aumento da demanda de óleo combustível para usinas térmicas impactou oferta de combustível marítimo da estatal.

A empresa afirmou, após ser questionada pela Reuters, que está trabalhando para restabelecer a normalização da oferta de combustível marítimo nos portos ao longo de setembro após o problema na oferta.

A companhia explicou que, apesar de o óleo combustível e o combustível marítimo não terem as mesmas especificações, são produzidos a partir da mesma linha na refinaria.

A Petrobras esclareceu ainda que vem atuando junto aos seus clientes no sentido de minimizar eventuais impactos que possam ocorrer, principalmente para a navegação de cabotagem, segundo nota da assessoria de imprensa.

(Por Alex Alper)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos