Bolsas

Câmbio

Brasil e México negociam ampliar acordo comercial

SÃO PAULO (Reuters) - O Brasil e o México estão discutindo formas de ampliar um acordo comercial ao incluir novos produtos e aperfeiçoar as tarifas preferenciais no comércio bilateral, conforme as duas principais economias da América Latina tentam estreitar laços.

Diplomatas e funcionários dos dois países tiveram reuniões na Cidade do México de 29 a 31 de agosto, informou o Ministério das Relações Exteriores do Brasil nesta sexta-feira. Várias questões comerciais, incluindo segurança alimentar, burocracia excessiva, propriedade intelectual e mecanismos de solução de controvérsia foram parte das discussões, disse o ministério.

"Brasil e o México estão negociando aumento significativo do acordo de tarifas preferenciais, com a inclusão de novos produtos que vão da agricultura a manufatura", disse o Ministério em comunicado.

As negociações entre o Brasil e o México terminaram um dia antes de as autoridades mexicanas iniciarem uma reunião com negociadores dos Estados Unidos e do Canadá para reavaliar o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (Nafta). O presidente dos EUA, Donald Trump, tem ameaçado reiteradamente retirar o apoio ao comércio regional.

O Ministério disse que o comércio entre os dois países somou 7,34 bilhões de dólares no ano passado, com as exportações do Brasil representando 3,81 bilhões de dólares do total.

As exportações brasileiras para o México subiram 19 por cento de janeiro a julho ante mesmo período de 2016, disse o Ministério.

(Por Marcelo Teixeira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos