Bolsas

Câmbio

Criação de vagas nos EUA desacelera em agosto e crescimento salarial é fraco

WASHINGTON (Reuters) - A criação de vagas de trabalho nos Estados Unidos desacelerou mais do que o esperado em agosto, após dois meses consecutivos de altas fortes, mas o ritmo de crescimento deve ser mais do que suficiente para que o banco central do país anuncie um plano para começar a reduzir sua enorme carteira de títulos.

Entretanto, o fraco ganho salarial pode fazer com que o Fed fique cauteloso quanto a subir os juros neste ano. O Departamento do Trabalho informou nesta sexta-feira que a criação de vagas fora do setor agrícola chegou a 156 mil no mês passado, contra 189 mil em julho.

O salário médio por hora cresceu 0,1 por cento, ou três centavos, depois de avançar 0,3 por cento em julho, mantendo a alta na comparação anual em 2,5 por cento pelo quinto mês consecutivo.

A moderação de agosto no crescimento do emprego, que levou a criação de vagas para abaixo da média mensal de 176 mil vagas neste ano, provavelmente reflete fatores sazonais como a escassez de trabalhadores qualificados. Ao longo dos últimos anos, a contagem inicial de emprego de agosto tendeu a exibir um viés fraco, com revisões subsequentes mostrando força.

O departamento disse que o furacão Harvey, que devastou partes do Texas, não teve nenhum efeito "discernível" sobre os dados pois o desastre ocorreu após o período de pesquisa para o relatório de agosto. Os economistas disseram que a tempestade pode prejudicar os dados de setembro se as inundações persistirem. [nL2N1LI0EO]

A taxa de desemprego ficou em 4,4 por cento, ante 4,3 por cento antes. Os economistas entrevistados pela Reuters projetavam que o número de vagas abertas ficaria em 180 mil no mês passado.

Os avanço de agosto foi muito superior ao intervalo entre 75 mil e 100 mil empregos por mês necessários para acompanhar o ritmo de crescimento da população em idade de trabalhar.

Destacando a força do mercado de trabalho, a indústria criou 36 mil empregos, enquanto no setor de construção abriu 28 mil vagas no mês passado.

(Por Lucia Mutikani)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos