Bolsas

Câmbio

Temer pede investimentos a empresários chineses e diz que economia está em recuperação

BRASÍLIA (Reuters) - Em seu último dia de visita em Pequim, antes da Cúpula dos BRICS, o presidente Michel Temer pediu a empresários chineses, reunidos em um seminário sobre oportunidades no Brasil, que invistam no país e afirmou que a economia nacional está em recuperação e pronta para receber investimentos.

"Os resultados, aliás, já se fazem sentir. Depois de oito semestres consecutivos de recessão, nossa economia voltou a crescer", afirmou o presidente, citando ainda que a agenda de reformas continua, incluindo a previdenciária e a tributária.

"Nós temos ainda, devo dizer, muito a fazer. Temos, sobretudo, o desafio de dar um salto de qualidade em nossa infraestrutura. E, nisso, o setor privado, investimentos que vierem de fora, tem papel central a desempenhar", afirmou.

Temer destacou os novos projetos que entraram no programa de concessões, incluindo aeroportos, terminais portuários, ferrovias, linhas de transmissão de energia e a própria Eletrobrás, que já tem interessados entre as empresas chinesas.

Em seu primeiro dia em Pequim, o presidente teve encontros com os presidentes das empresas de energia State Grid e China Three Gorges. Ambas são potenciais investidoras na Eletrobrás.

Temer embarca hoje de Pequim para Xiamen, onde participa da Cúpula dos Brics. O presidente deve estar de volta ao Brasil na próxima quarta-feira.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos